Fechar
Metadados

@InProceedings{FerreiraMineNonoItik:2015:EsInPa,
               author = "Ferreira, Helen Beatriz and Mineiro, S{\'e}rgio Luiz and Nono, 
                         Maria do Carmo de Andrade and Itikawa, Gustavo Hideki",
          affiliation = "{Universidade Federal de S{\~a}o Paulo (UNIFESP)} and {Instituto 
                         Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)} and {Instituto Nacional de 
                         Pesquisas Espaciais (INPE)} and {ETEP Faculdades}",
                title = "Estudo da influ{\^e}ncia dos par{\^a}metros de 
                         sinteriza{\c{c}}{\~a}o na microestrutura e nas propriedades 
                         mec{\^a}nicas de cer{\^a}micas especiais para uso em controle 
                         t{\'e}rmico de sat{\'e}lites",
                 year = "2015",
         organization = "Semin{\'a}rio de Inicia{\c{c}}{\~a}o Cient{\'{\i}}fica e 
                         Inicia{\c{c}}{\~a}o em Desenvolvimento Tecnol{\'o}gico e 
                         Inova{\c{c}}{\~a}o",
            publisher = "Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais",
              address = "S{\~a}o Jos{\'e} dos Campos, SP",
             abstract = "Os {\'o}xidos de metais de transi{\c{c}}{\~a}o de estrutura 
                         perovskita, de composi{\c{c}}{\~a}o geral ABO3, exibem uma 
                         grande variedade de propriedades interessantes e, recentemente tem 
                         sido objeto de muito estudo. A manganita de lant{\^a}nio, 
                         composto com estrutura perovskita, manifesta uma variedade de 
                         estruturas e temperaturas de fase de transi{\c{c}}{\~a}o 
                         paramagn{\'e}tica, ferromagn{\'e}tica e metal-isolante e o 
                         efeito de magnetorresist{\^e}ncia colossal. Tamb{\'e}m {\'e} 
                         estudada por suas propriedades {\'o}ticas, el{\'e}tricas e 
                         magn{\'e}ticas, que tornam poss{\'{\i}}vel seu uso em 
                         aplica{\c{c}}{\~o}es que requeiram alta condutividade 
                         el{\'e}trica, estabilidade qu{\'{\i}}mica e estabilidade 
                         t{\'e}rmica. No INPE, a pesquisa e o desenvolvimento de 
                         cer{\^a}micas de manganita de lant{\^a}nio s{\~a}o motivados 
                         por sua potencial aplica{\c{c}}{\~a}o em dispositivos de 
                         controle t{\'e}rmico, pois esta cer{\^a}mica apresenta baixa 
                         emissividade abaixo da temperatura ambiente e alta emissividade 
                         acima da temperatura ambiente, tornando-a {\'u}til para auxiliar 
                         na dissipa{\c{c}}{\~a}o de calor e manuten{\c{c}}{\~a}o da 
                         temperatura do sat{\'e}lite dentro de sua faixa operacional. 
                         Todas as propriedades do material dependem diretamente de sua 
                         estequiometria e estrutura, sendo assim, neste projeto busca-se 
                         aprimorar o processamento de cer{\^a}micas de manganita de 
                         lant{\^a}nio no intuito de se adquirir as propriedades 
                         mec{\^a}nicas e f{\'{\i}}sicas desej{\'a}veis para sua 
                         aplica{\c{c}}{\~a}o em dispositivos de controle t{\'e}rmico 
                         para sat{\'e}lites. Referente {\`a}s atividades desenvolvidas 
                         entre agosto de 2014 a julho de 2015, s{\~a}o apresentados 
                         estudos realizados nas composi{\c{c}}{\~o}es de manganita de 
                         lant{\^a}nio dopada com estr{\^o}ncio (LSMO) e manganita de 
                         lant{\^a}nio dopada com c{\'a}lcio (LCMO) sintetizadas por 
                         rea{\c{c}}{\~a}o no estado s{\'o}lido. Os p{\'o}s precursores 
                         (La2O3, MnO, SrCO3 e CaCO3) foram misturados em moinho 
                         planet{\'a}rio e calcinados em temperatura de 1100 C para a 
                         obten{\c{c}}{\~a}o da estrutura cristalina tipo perovskita, 
                         respons{\'a}vel pela propriedade de emissividade deste material. 
                         Na etapa de forma{\c{c}}{\~a}o do corpo cer{\^a}mico, as 
                         amostras foram sinterizadas na faixa de temperatura entre 1250 C 
                         e 1450 C. Foram realizadas an{\'a}lises de fases 
                         (difra{\c{c}}{\~a}o de raios X), an{\'a}lise do grau de 
                         densifica{\c{c}}{\~a}o da microestrutura (microscopia 
                         eletr{\^o}nica de varredura) e an{\'a}lise da 
                         composi{\c{c}}{\~a}o qu{\'{\i}}mica (espectroscopia por 
                         energia dispersiva de raios X) dos p{\'o}s e das cer{\^a}micas 
                         obtidas. Os resultados foram relacionados com as temperaturas de 
                         sinteriza{\c{c}}{\~a}o adotadas e mostraram que houve 
                         influ{\^e}ncia dos par{\^a}metros de sinteriza{\c{c}}{\~a}o na 
                         microestrutura e na estrutura cristalina de ambas as 
                         composi{\c{c}}{\~o}es cer{\^a}micas estudadas.",
  conference-location = "S{\~a}o Jos{\'e} dos Campos, SP",
      conference-year = "30-31 jul.",
             language = "pt",
                  ibi = "8JMKD3MGP3W34P/3K27HA8",
                  url = "http://urlib.net/rep/8JMKD3MGP3W34P/3K27HA8",
        urlaccessdate = "02 dez. 2020"
}


Fechar