Fechar
Metadados

@InProceedings{RodriguesStezLibo:2016:VaPrÁr,
               author = "Rodrigues, J{\'u}lia Abrantes and Stezer, Alberto Waingort and 
                         Libonati, Renata",
          affiliation = "{Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)} and {Instituto 
                         Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)} and {Universidade Federal 
                         do Rio de Janeiro (UFRJ)}",
                title = "Valida{\c{c}}{\~a}o do projeto {\'a}rea queimada mensal 1 km 
                         (modis)",
                 year = "2016",
         organization = "Semin{\'a}rio de Inicia{\c{c}}{\~a}o Cient{\'{\i}}fica e 
                         Inicia{\c{c}}{\~a}o em Desenvolvimento Tecnol{\'o}gico e 
                         Inova{\c{c}}{\~a}o (SICINPE)",
                 note = "{Bolsa PIBIC/INPE/CNPq}",
             abstract = "Este trabalho, iniciado em agosto de 2015, tem como objetivo 
                         fornecer informa{\c{c}}{\~a}o de refer{\^e}ncia para 
                         valida{\c{c}}{\~a}o de tr{\^e}s produtos de {\'a}rea queimada 
                         do sensor MODIS: dois produtos oficiais de {\'a}rea queimada da 
                         NASA, nomeadamente o MCD45A1 e o MCD64A1 e o produto gerado pelo 
                         Grupo de Monitoramento de Queimadas do INPE, AQM. A 
                         valida{\c{c}}{\~a}o de produtos de {\'a}rea queimada derivados 
                         de sensoriamento remoto {\'e} crucial para fornecer 
                         informa{\c{c}}{\~o}es quantitativas sobre a qualidade do produto 
                         e identificar e corrigir eventuais falhas de desenvolvimento. A 
                         maneira mais comum de realizar uma avali{\c{c}}{\~a}o do 
                         desempenho de um mapa de classifica{\c{c}}{\~a}o derivado de 
                         sensoriamento remoto {\'e} atrav{\'e}s da compara{\c{c}}{\~a}o 
                         com outros mapas (chamados de dados de refer{\^e}ncia) 
                         tamb{\'e}m derivados de sensoriamento remoto ou de dados in situ. 
                         A valida{\c{c}}{\~a}o de estimativas de {\'a}rea queimada por 
                         meio da compara{\c{c}}{\~a}o direta com medidas em campo 
                         apresentam dificuldades relacionadas n{\~a}o s{\'o} com a larga 
                         extens{\~a}o e localiza{\c{c}}{\~a}o remota da maioria das 
                         ocorr{\^e}ncias, mas tamb{\'e}m devido {\`a} r{\'a}pida 
                         altera{\c{c}}{\~a}o do sinal radiom{\'e}trico da cicatriz de 
                         queimada. Ademais, muitas ocorr{\^e}ncias de queimadas 
                         localizam-se em propriedades privadas, o que dificulta a sua 
                         valida{\c{c}}{\~a}o in situ. Na aus{\^e}ncia de dados in-situ, 
                         uma forma poss{\'{\i}}vel de solucionar o problema consiste na 
                         compara{\c{c}}{\~a}o com informa{\c{c}}{\~o}es de 
                         sat{\'e}lites de alta/m{\'e}dia resolu{\c{c}}{\~a}o espacial, 
                         que permitem observar a superf{\'{\i}}cie terrestre com o 
                         detalhamento adequado. Atualmente, as pesquisas existentes de 
                         alta/m{\'e}dia resolu{\c{c}}{\~a}o utilizam mapeamento 
                         realizado no bioma Cerrado, inexistindo resultados em outros 
                         biomas. Desta forma, o presente trabalho consiste no desenvolvido 
                         de um algoritmo semi-autom{\'a}tico para o mapeamento de 
                         cicatrizes de {\'a}reas queimadas utilizando dados de m{\'e}dia 
                         resolu{\c{c}}{\~a}o (Landsat-8/OLI) para o bioma Mata 
                         Atl{\^a}ntica. A {\'a}rea de estudo compreende a 
                         {\'o}rbita-ponto 217/76 do sat{\'e}lite Landsat-8, localizada na 
                         Regi{\~a}o Serrana do Estado do Rio de Janeiro, inserida no bioma 
                         Mata Atl{\^a}ntica. O algoritmo se baseia no {\'{\i}}ndice 
                         espectral (V,W) e utiliza as bandas 5 (0.8 µm) e 7 (2.1 µm) do 
                         sensor OLI. Os resultados obtidos com o sat{\'e}lite Landsat-8 
                         para o mapeamento das cicatrizes de queimadas foram corroborados 
                         pela distribui{\c{c}}{\~a}o espacial e temporal dos focos de 
                         calor gerados pelo INPE e por medi{\c{c}}{\~o}es {\'a}reas com 
                         GPS fornecidas pelas brigadas de inc{\^e}ndio da regi{\~a}o de 
                         estudo. O mapeamento resultante deste trabalho ser{\'a} utilizado 
                         como refer{\^e}ncia para as valida{\c{c}}{\~o}es dos produtos 
                         de {\'a}rea queimada gerados com o sensor MODIS, contribuindo 
                         para o aprofundamento das pesquisas cient{\'{\i}}ficas em 
                         estudos sobre a quantifica{\c{c}}{\~a}o das {\'a}reas queimadas 
                         a partir de informa{\c{c}}{\~o}es de sat{\'e}lites.",
  conference-location = "S{\~a}o Jos{\'e} dos Campos, SP",
      conference-year = "25-26 jul.",
           targetfile = "Rodrigues_validacao.pdf",
        urlaccessdate = "23 nov. 2020"
}


Fechar