Fechar
Metadados

@InProceedings{ZorzoCrisFach:2016:AqCoGo,
               author = "Zorzo, R{\'e}gis and Cristaldo, Cesar Flaubiano da Cruz and 
                         Fachini Filho, Fernando",
          affiliation = "{Universidade Federal do Pampa (UNIPAMPA)} and {Universidade 
                         Federal do Pampa (UNIPAMPA)} and {Instituto Nacional de Pesquisas 
                         Espaciais (INPE)}",
                title = "Aquecimento e combust{\~a}o de gotas de ferrofluido 
                         combust{\'{\i}}vel",
                 year = "2016",
         organization = "Semin{\'a}rio de Inicia{\c{c}}{\~a}o Cient{\'{\i}}fica e 
                         Inicia{\c{c}}{\~a}o em Desenvolvimento Tecnol{\'o}gico e 
                         Inova{\c{c}}{\~a}o (SICINPE)",
                 note = "{Bolsa PIBIC/INPE/CNPq}",
             abstract = "O presente trabalho tem por objetivo estender um modelo j{\'a} 
                         existente de aquecimento magn{\'e}tico de uma gota de ferrofluido 
                         em condi{\c{c}}{\~a}o de alta pot{\^e}ncia magn{\'e}tica para 
                         o caso de baixa pot{\^e}ncia magn{\'e}tica. O processo de 
                         aquecimento magn{\'e}tico tem como objetivo fornecer melhorias no 
                         processo de combust{\~a}o, como proporcionar um menor tempo de 
                         aquecimento e maior taxa de vaporiza{\c{c}}{\~a}o do 
                         combust{\'{\i}}vel resultando numa combust{\~a}o mais completa 
                         e com menor gera{\c{c}}{\~a}o de poluentes. O aquecimento 
                         magn{\'e}tico {\'e} gerado devido a presen{\c{c}}a de um campo 
                         magn{\'e}tico alternado que provoca movimento peri{\'o}dico de 
                         alinhamento e desalinhamento do dipolo das nanopart{\'{\i}}culas 
                         com o sentido do campo, esse movimento peri{\'o}dico promove a 
                         rota{\c{c}}{\~a}o da nanopart{\'{\i}}cula que acaba gerando 
                         calor por dissipa{\c{c}}{\~a}o viscosa entre fluido e 
                         nanopart{\'{\i}}cula. At{\'e} o momento os estudos realizados 
                         com alta pot{\^e}ncia magn{\'e}tica resultam numa camada limite 
                         t{\'e}rmica pr{\'o}xima a superf{\'{\i}}cie da gota, na fase 
                         l{\'{\i}}quida. Na solu{\c{c}}{\~a}o da camada limite 
                         t{\'e}rmica o efeito geom{\'e}trico (curvatura da gota) {\'e} 
                         desprez{\'{\i}}vel, assim a solu{\c{c}}{\~a}o {\'e} obtida em 
                         coordenadas retangulares. Para a condi{\c{c}}{\~a}o de baixa 
                         pot{\^e}ncia magn{\'e}tica, a solu{\c{c}}{\~a}o de camada 
                         limite t{\'e}rmica n{\~a}o {\'e} valida. Portanto, no presente 
                         trabalho as equa{\c{c}}{\~o}es de conserva{\c{c}}{\~a}o de 
                         massa, energia e esp{\'e}cies para as fases l{\'{\i}}quida e 
                         gasosa do modelo existente s{\~a}o resolvidas numericamente, 
                         preservando a geometria esf{\'e}rica do problema f{\'{\i}}sico. 
                         Trata-se de uma gota isolada de ferrofluido num ambiente de alta 
                         temperatura e de baixa press{\~a}o (fase gasosa quase 
                         estacion{\'a}ria).Como resultados pode-se comparar grandezas como 
                         a evolu{\c{c}}{\~a}o do perfil de temperatura, taxa de 
                         vaporiza{\c{c}}{\~a}o, varia{\c{c}}{\~a}o do raio da gota e 
                         tempo de aquecimento (tempo para atingir a temperatura de 
                         ebuli{\c{c}}{\~a}o) para varias intensidades de campo 
                         magn{\'e}tico. Foi verificado o efeito geom{\'e}trico da 
                         presente solu{\c{c}}{\~a}o com a solu{\c{c}}{\~a}o de 
                         hip{\'o}tese de camada limite t{\'e}rmica, no qual os resultados 
                         mostram que o modelo de camada limite apresenta uma temperatura de 
                         superf{\'{\i}}cie da gota e uma taxa de vaporiza{\c{c}}{\~a}o 
                         menor que a encontrada no presente modelo. Isso sugere que o 
                         modelo de camada limite se adequa melhor a casos de campo 
                         magn{\'e}tico de maior intensidade. Por fim, foi analisada a 
                         influ{\^e}ncia de uma perturba{\c{c}}{\~a}o na temperatura 
                         inicial da gota (pico te temperatura no interior da gota) no tempo 
                         de aquecimento. Foi verificado que dependendo da quantidade 
                         inicial de energia dentro da gota a temperatura de 
                         ebuli{\c{c}}{\~a}o {\'e} atingida no interior da gota para 
                         casos de alta pot{\^e}ncia magn{\'e}tica.",
  conference-location = "S{\~a}o Jos{\'e} dos Campos, SP",
      conference-year = "25-26 jul.",
           targetfile = "Zorzo_aquecimento.pdf",
        urlaccessdate = "04 dez. 2020"
}


Fechar