Fechar
Metadados

@InProceedings{SilvaNova:2018:AnMaHo,
               author = "Silva, Patrick Vasconcellos Rodrigues da and Novaes J{\'u}nior, 
                         Rene Antonio",
          affiliation = "{Universidade de Taubat{\'e} (UNITAU)} and {Instituto Nacional de 
                         Pesquisas Espaciais (INPE)}",
                title = "An{\'a}lise e mapeamento dos homic{\'{\i}}dios dolosos da 
                         regi{\~a}o metropolitana do Vale do Para{\'{\i}}ba e litoral 
                         norte (RMVALE) com o aux{\'{\i}}lio do geoprocessamento",
                 year = "2018",
         organization = "Semin{\'a}rio de Inicia{\c{c}}{\~a}o Cient{\'{\i}}fica e 
                         Inicia{\c{c}}{\~a}o em Desenvolvimento Tecnol{\'o}gico e 
                         Inova{\c{c}}{\~a}o (SICINPE)",
                 note = "{Bolsa PIBIC/INPE/CNPq}",
             abstract = "O presente trabalho, iniciado em agosto de 2017, tem como objetivo 
                         a an{\'a}lise e mapeamento dos homic{\'{\i}}dios dolosos da 
                         Regi{\~a}o Metropolitana do Vale do Para{\'{\i}}ba e Litoral 
                         Norte, com o aux{\'{\i}}lio do Geoprocessamento. Ao decorrer do 
                         projeto de pesquisa e evolu{\c{c}}{\~a}o tanto t{\'e}cnica, 
                         quanto te{\'o}rica, de todas as nuances que envolvem a 
                         din{\^a}mica da viol{\^e}ncia, foi observado um novo foco de 
                         estudo, parafraseando com Santos (2006), por vezes o ge{\'o}grafo 
                         tende a dedicar-se a um exerc{\'{\i}}cio cego de an{\'a}lise de 
                         dados, tornando-se cada vez mais distante do seu objeto de 
                         pesquisa, que na Ci{\^e}ncia Geogr{\'a}fica, {\'e} o 
                         espa{\c{c}}o. Portanto, se em um primeiro momento o foco foi a 
                         Regi{\~a}o Metropolitana por completo, posteriormente optou-se 
                         por limitar o estudo {\`a} {\'a}rea urbana de S{\~a}o Jos{\'e} 
                         dos Campos, junto da espacializa{\c{c}}{\~a}o dos 
                         homic{\'{\i}}dios realizados durante os anos de 2015, 2016 e 
                         mais recentemente 2017, cria{\c{c}}{\~a}o de mapas de calor, 
                         visualiza{\c{c}}{\~a}o de tend{\^e}ncias e acompanhamento da 
                         evolu{\c{c}}{\~a}o ou regress{\~a}o dos {\'{\i}}ndices de 
                         homic{\'{\i}}dios para determinadas motiva{\c{c}}{\~o}es. 
                         Al{\'e}m disso, o foco ser{\'a} dado na din{\^a}mica espacial, 
                         de que maneira o espa{\c{c}}o geogr{\'a}fico tende a 
                         influenciar, ou n{\~a}o, as a{\c{c}}{\~o}es, proporcionando ou 
                         n{\~a}o um ambiente contraditoriamente seguro para a 
                         execu{\c{c}}{\~a}o de a{\c{c}}{\~o}es extremas. Compreende-se 
                         por espa{\c{c}}o, um conjunto indissoci{\'a}vel de sistemas de 
                         objetos e sistemas de a{\c{c}}{\~o}es (SANTOS, 2006). Ainda 
                         segundo Milton Santos, pode-se entender como sistema de objetos o 
                         produto da elabora{\c{c}}{\~a}o social, tudo que {\'e} criado 
                         atrav{\'e}s das t{\'e}cnicas. O sistema de a{\c{c}}{\~o}es 
                         {\'e} um pouco mais complexo por se tratar de um conceito que 
                         demanda uma maior amplitude conceitual. Toda a{\c{c}}{\~a}o 
                         {\'e} um processo dotado de prop{\'o}sitos, no qual um agente 
                         mudando algo, muda a si mesmo (MORGENSTERN, 1960). Milton Santos 
                         atenta {\`a} concomit{\^a}ncia desses dois movimentos, 
                         realizando a mudan{\c{c}}a em um objeto, naturalmente a 
                         mudan{\c{c}}a se espelhar{\'a} no cidad{\~a}o, que 
                         consequentemente ter{\'a} suas a{\c{c}}{\~o}es tamb{\'e}m 
                         alteradas, criando ciclos, por vezes virtuosos, outrora viciosos, 
                         {\'e} onde entra o conceito de in{\'e}rcia din{\^a}mica. Tendo 
                         em mente o conceito supracitado, nesse momento est{\'a} sendo 
                         finalizado o levantamento bibliogr{\'a}fico e ser{\'a} dado 
                         in{\'{\i}}cio aos trabalhos de campo, tendo como uma das 
                         categorias anal{\'{\i}}ticas a paisagem, para verificar de que 
                         modo a paisagem urbana proporciona um ambiente seguro para a 
                         realiza{\c{c}}{\~a}o de determinadas a{\c{c}}{\~o}es. Em 
                         outras palavras, est{\'a} sendo estudada a cria{\c{c}}{\~a}o de 
                         espa{\c{c}}os vulner{\'a}veis, disciplinares, entre outros, com 
                         base na teoria de Milton Santos e Michel Foucault, para a 
                         tentativa de entendimento da realidade estudada na cidade de 
                         S{\~a}o Jos{\'e} dos Campos, com base nos homic{\'{\i}}dios, 
                         seus locais de origem, suas motiva{\c{c}}{\~o}es e suas 
                         caracter{\'{\i}}sticas ambientais.",
  conference-location = "S{\~a}o Jos{\'e} dos Campos, SP",
      conference-year = "30-31 jul.",
             language = "pt",
           targetfile = "Silva_analise.pdf",
        urlaccessdate = "26 nov. 2020"
}


Fechar