Fechar
Metadados

@InProceedings{ShimotsuPilc:2018:EsPeÓr,
               author = "Shimotsu, Rodolfo Lyu and Pilchowski, Hans-Ulrich",
          affiliation = "{Universidade Braz Cubas (UBC)} and {Instituto Nacional de 
                         Pesquisas Espaciais (INPE)}",
                title = "Estudo da perturba{\c{c}}{\~a}o da {\'o}rbita de sat{\'e}lites 
                         artificiais devido {\`a} a{\c{c}}{\~a}o do arrasto 
                         atmosf{\'e}rico",
                 year = "2018",
         organization = "Semin{\'a}rio de Inicia{\c{c}}{\~a}o Cient{\'{\i}}fica e 
                         Inicia{\c{c}}{\~a}o em Desenvolvimento Tecnol{\'o}gico e 
                         Inova{\c{c}}{\~a}o (SICINPE)",
                 note = "{Bolsa PIBIC/INPE/CNPq}",
             abstract = "Este trabalho tem como objetivo desenvolver um algoritmo 
                         computacional que seja capaz de fornecer a perturba{\c{c}}{\~a}o 
                         da {\'o}rbita de um sat{\'e}lite artificial terrestre devido 
                         {\`a} a{\c{c}}{\~a}o do arrasto atmosf{\'e}rico. {\'O}rbitas 
                         cada vez mais baixas causam um efeito de desacelera{\c{c}}{\~a}o 
                         maior no sat{\'e}lite devido ao atrito denominado for{\c{c}}a de 
                         arrasto. Uma {\'o}rbita el{\'{\i}}ptica sofre a 
                         desacelera{\c{c}}{\~a}o ao passar pelo perigeu, consequentemente 
                         sua altitude no apogeu tende a diminuir e se transformar em uma 
                         {\'o}rbita circular. Neste trabalho foi poss{\'{\i}}vel iniciar 
                         a elabora{\c{c}}{\~a}o dos algoritmos utilizando 
                         equa{\c{c}}{\~o}es newtonianas e keplerianas, para que fosse 
                         poss{\'{\i}}vel obter os elementos keplerianos, de {\'o}rbitas 
                         de sat{\'e}lites artificiais terrestres, a partir de sua 
                         velocidade e sua posi{\c{c}}{\~a}o e vice versa. Com os 
                         algoritmos, de determina{\c{c}}{\~a}o de {\'o}rbita, aqui 
                         desenvolvidos, foi poss{\'{\i}}vel elaborar um algoritmo de 
                         propaga{\c{c}}{\~a}o orbital, a partir do uso do conjunto dos 
                         m{\'e}todos utilizados, sendo poss{\'{\i}}vel visualizar a 
                         propaga{\c{c}}{\~a}o orbital do sat{\'e}lite em 
                         fun{\c{c}}{\~a}o do tempo. Para o desenvolvimento do algoritmo 
                         com a perturba{\c{c}}{\~a}o do arrasto atmosf{\'e}rico, foi 
                         necess{\'a}rio determinar o coeficiente de arrasto frontal, 
                         lateral e posterior tendo que levar em considera{\c{c}}{\~a}o a 
                         densidade do meio em rela{\c{c}}{\~a}o {\`a} altitude baseando 
                         na tabela US Standard Atmosphere 1976 (USSA76), permitindo 
                         determinar a for{\c{c}}a de arrasto sobre o sat{\'e}lite ao 
                         longo de seu trajeto e ser aplicado no algoritmo de 
                         propaga{\c{c}}{\~a}o para que seja poss{\'{\i}}vel visualizar 
                         a propaga{\c{c}}{\~a}o orbital de um sat{\'e}lite considerando 
                         {\`a} a{\c{c}}{\~a}o do arrasto atmosf{\'e}rico.",
  conference-location = "S{\~a}o Jos{\'e} dos Campos, SP",
      conference-year = "30-31 jul.",
             language = "pt",
           targetfile = "Shimotsu_estudo.pdf",
        urlaccessdate = "29 nov. 2020"
}


Fechar