Fechar
Metadados

@TechReport{NunesSilvSoar:2019:OtMéSí,
               author = "Nunes, Matheus de Moura and Silva, Adriana Maria da and Soares, 
                         M{\'a}rcio Steinmetz",
                title = "Otimiza{\c{c}}{\~a}o dos m{\'e}todos de s{\'{\i}}ntese do 
                         grafeno como catalisador para aplica{\c{c}}{\~o}es na {\'a}rea 
                         aeroespacial",
          institution = "Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais",
                 year = "2019",
                 type = "RPQ",
              address = "S{\~a}o Jos{\'e} dos Campos",
                 note = "{Bolsa PIBIC/INPE/CNPq.}",
             keywords = "grafeno, suporte catal{\'{\i}}tico, Espectroscopia Raman, rGO, 
                         Difratometria de Raios X, {\'a}rea superficial, estabilidade 
                         t{\'e}rmica.",
             abstract = "Este estudo avaliou o efeito da temperatura, tempo de 
                         rea{\c{c}}{\~a}o e concentra{\c{c}}{\~a}o de {\'o}xido de 
                         grafeno (GO). como par{\^a}metros da s{\'{\i}}ntese de 
                         redu{\c{c}}{\~a}o hidrot{\'e}rmica/solvot{\'e}rmica do GO em 
                         {\'O}xido de grafeno reduzido (rGO). O objetivo foi determinar as 
                         condi{\c{c}}{\~o}es {\'o}timas de rea{\c{c}}{\~a}o de modo a 
                         se ter um material est{\'a}vel t{\'e}rmica e estruturalmente a 
                         fim de se obter o melhor material para ser usado como suporte 
                         catal{\'{\i}}tico. O {\'o}xido de grafeno quando reduzido em 
                         temperaturas muito altas, tende a apresentar uma estrutura mais 
                         organizada resultante da agrega{\c{c}}{\~a}o das camadas e, 
                         consequentemente, com menor {\'a}rea superficial. Deste modo, 
                         temperaturas intermedi{\'a}rias (140ºC) se mostraram mais 
                         efetivas. Para um teor constante de etanol (63%), a difratometria 
                         de raios X (DRX) indicou um decr{\'e}scimo nos valores de largura 
                         {\`a} meia altura (FWHM full width at half maximum) do pico 
                         principal de rGO de acordo com que o tempo de rea{\c{c}}{\~a}o 
                         diminu{\'{\i}}a, indicando que as camadas coalesceram. A 
                         espectroscopia Raman mostrou que o teor de etanol n{\~a}o 
                         modificou de forma significativa a quantidade de defeitos 
                         estruturais. Com rela{\c{c}}{\~a}o {\`a} 
                         concentra{\c{c}}{\~a}o de GO, a maior concentra{\c{c}}{\~a}o 
                         de GO levou a maiores valores da raz{\~a}o ID/IG e do FWHM 
                         relativo {\`a} banda G. Tal comportamento {\'e} um indicativo da 
                         maior quantidade de grupos oxigenados, os quais exercem um papel 
                         ben{\'e}fico para rea{\c{c}}{\~o}es catal{\'{\i}}ticas.",
          affiliation = "{Universidade de S{\~a}o Paulo (USP)} and {Instituto Nacional de 
                         Pesquisas Espaciais (INPE)} and {Instituto Nacional de Pesquisas 
                         Espaciais (INPE)}",
             language = "pt",
                pages = "28",
                  ibi = "8JMKD3MGP3W34R/3U388TP",
                  url = "http://urlib.net/rep/8JMKD3MGP3W34R/3U388TP",
           targetfile = "MATHEUS DE MOURA NUNES.pdf",
        urlaccessdate = "11 abr. 2021"
}


Fechar