Resultado da Pesquisa
A expressão de busca foi <ref report and not secondaryty TAE and firstg SID-GB-INPE-MCTI-GOV-BR and y 2015>.
1 referência encontrada buscando em 15 dentre 15 sites.
Data e hora local de busca: 02/03/2021 18:23.
Área de identificação
Tipo de ReferênciaReport
Sitemtc-m21b.sid.inpe.br
Código do Detentorisadg {BR SPINPE} ibi 8JMKD3MGPCW/3DT298S
Identificador8JMKD3MGP3W34P/3JRUL3B
Repositóriosid.inpe.br/mtc-m21b/2015/07.15.18.51
Última Atualização2016:01.14.15.44.20 administrator
Metadadossid.inpe.br/mtc-m21b/2015/07.15.18.51.25
Última Atualização dos Metadados2018:06.04.02.55.29 administrator
Número do RelatórioINPE-17636-RPQ/915
Chave de CitaçãoRibeiro:2015:CoMa
TítuloMemória científica do INPE: da concepção à maturidade
Ano2015
Data de Acesso02 mar. 2021
TipoRPQ
Número de Páginas100
Número de Arquivos1
Tamanho4482 KiB
Área de contextualização
AutorRibeiro, Marciana Leite
Identificador de Curriculo8JMKD3MGP5W/3C9JHPA
GrupoSID-GB-INPE-MCTI-GOV-BR
AfiliaçãoInstituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
Endereço de e-Mail do Autormarciana.ribeiro@inpe.br
Endereço de e-Mailpubtc@inpe.br
InstituçãoInstituto Nacional de Pesquisas Espaciais
CidadeSão José dos Campos
Histórico2015-07-15 18:52:44 :: luis.cpv@hotmail.com -> marciana ::
2015-07-20 13:13:24 :: marciana -> administrator ::
2015-08-27 17:59:28 :: administrator -> banon ::
2015-10-16 19:28:49 :: banon -> administrator ::
2016-01-14 12:15:22 :: administrator -> yolanda ::
2016-01-14 13:28:08 :: yolanda -> marcelo.pazos@sid.inpe.br ::
2016-01-14 15:20:39 :: marcelo.pazos@sid.inpe.br :: -> 2015
2016-01-14 15:45:38 :: marcelo.pazos@sid.inpe.br -> administrator :: 2015
2016-01-14 15:46:16 :: administrator -> marcelo.pazos@sid.inpe.br :: 2015
2016-01-14 15:47:27 :: marcelo.pazos@sid.inpe.br -> administrator :: 2015
2016-01-14 15:47:49 :: administrator -> marcelo.pazos@sid.inpe.br :: 2015
2016-01-14 15:51:20 :: marcelo.pazos@sid.inpe.br -> administrator :: 2015
2018-06-04 02:55:29 :: administrator -> :: 2015
Área de conteúdo e estrutura
É a matriz ou uma cópia?é a matriz
Estágio do Conteúdoconcluido
Transferível1
Palavras-Chavememória científica, repositório institucional, INPE.
ResumoAs mudanças ocorridas nos procedimentos de produção, compartilhamento e uso do conhecimento no ambiente científico, e os avanços na tecnologia da informação, têm impulsionado as expectativas na demanda de acesso eficiente e rápido à informação, consequentemente transformadas em desafios para as instituições de pesquisa na contínua procura de alternativas para garantir a sustentabilidade e o acesso aberto à informação científica. Este documento relata a experiência do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) na gestão de sua Memória Científica e na construção da Biblioteca Digital da Memória Científica do INPE (BDMCI), que está implementada no modelo de um Repositório Institucional (RI) de acesso aberto, com o objetivo de preservar a memória resultante dos programas de pesquisas recentes, assim como as informações antigas que estão em risco de serem perdidas em decorrência da aposentadoria iminente da maioria das equipes de trabalho do Instituto. O relatório aborda desde a concepção do processo até as rotinas atuais de trabalho. As fases da gestão são descritas com a intenção de compartilhar o conhecimento adquirido. Seu público alvo são os profissionais da informação que atuam, ou que vierem a atuar, na gestão e povoamento do RI do INPE, para os quais se deseja propiciar uma reflexão sobre os mais de cinquenta anos de preservação da Memória Intelectual e dos vinte anos de prática na construção de um RI. Apresenta ainda: um breve histórico do início da preservação da produção e formação da base de dados no contexto de cada área científica, acadêmica e tecnológica do Instituto; a logística desenvolvida para os atuais instrumentos de organização/armazenamento dos documentos, a evolução dos meios de coleta e os mecanismos de convencimento junto à comunidade científica para envio/depósito da produção; a política institucional de editoração e preservação da produção; a elaboração de indicadores da produção científica que demonstrem a visibilidade e o valor da produção científica e; as iniciativas associadas ao acesso aberto à informação. Diante da necessidade e dever da Instituição em manter a memória de sua produção intelectual, como afirmação de sua identidade, bem como em facilitar o acesso a esta produção, é que foi idealizado o RI do INPE, sob a responsabilidade da equipe da Memória Científica do Instituto, atualmente vinculada ao Serviço de Informação e Documentação (SID) e à Política de Editoração e Preservação da Produção Intelectual do INPE. A história do INPE com a preservação de sua Memória Científica remonta ao nascimento da CNAE em 1963. O Instituto começou a criar nesse momento um sistema denominado Sistema para Controlar o Processo de Publicação de Artigos em Periódicos Nacionais e Internacionais (CONTRAB). O acervo da Memória teve início nessa época e foi se consolidando ao longo dos anos, graças à conscientização da Direção do INPE e da equipe de informação quanto à importância da preservação e disseminação da produção científica do Instituto. ABSTRACT: Changes in the procedures of production, sharing and use of knowledge in the scientific environment, and advances in information technology have boosted the expectations on efficient demand and fast access to information, consequently turned into challenges for research institutions in the continuous search for alternatives to ensure sustainability and open access to scientific information. This document reports the experience of the National Institute for Space Research (INPE) in the management of its scientific memory and in the construction of Digital Library of Scientific Memory of INPE (BDMCI), which is implemented in the model of an Open Access Institutional Repository (IR), with the goal of preserving the memory resulting from recent research programs, as well as the old information that are at risk of being lost due to the impending retirement of the majority of the work teams of the Institute. This work will address from the conception of the process until the current working routines. Management phases are described with the intention of sharing the knowledge acquired. Their target audiences are information workers who work, or who come to work in the management and settlement of INPE IR, for which it is desired to provide a reflection on the more than fifty years of preservation Intellectual memory and twenty years of practice in the construction of an IR. This report features: a brief history of the beginning of the intellectual production preservation and the formation of the database in the context of each scientific, academic and technological fields of the Institute; the logistics developed for current organizational and storage documents tools, the evolution of the collection means and convincing mechanisms in the scientific community for sending and deposit their production; the institutional policy for publishing and production preservation; the elaboration of scientific literature indicators demonstrating the visibility and the value of the scientific production; and the initiatives associated with open access to information. Due to institutional necessity and obligation to keep the memory of their intellectual production, as affirmation of their identity, and to facilitate access to this literature, is that was conceived the INPE IR, under the responsibility of the INPEs Scientific Memory Team, currently bound to the Information and Documentation Service (SID) and the policy for publishing and preserve the intellectual output of the INPE. The story of the INPE with the preservation of their Scientific Memory dates back to the birth of the CNAE in 1963. The Institute began creating at this time a system named System to Control the Process of Publishing Articles in National and International Journals (CONTRAB). The memory collection began at that time and was consolidated over the years, thanks to the awareness of INPE Director and the team of information as to the importance of preserving and disseminating the scientific production of the Institute.
AreaINFO
Arranjo
Conteúdo da Pasta source
originais/@4primeirasPaginas.pdf 12/01/2016 14:40 169.9 KiB 
originais/relatorio_MCI_versao_preliminar_rev5.pdf 12/01/2016 14:17 4.1 MiB
originais/SEM_MARCAS_artigocoleta 21-5-15_revClaytonv1-6_Banonv1-3-1_yolanda2.docx 12/01/2016 14:18 7.2 MiB
Conteúdo da Pasta agreement
autorizacao.pdf 14/01/2016 10:40 563.9 KiB 
Área de condições de acesso e uso
URL dos dadoshttp://urlib.net/rep/8JMKD3MGP3W34P/3JRUL3B
URL dos dados zipadoshttp://urlib.net/zip/8JMKD3MGP3W34P/3JRUL3B
Idiomapt
Arquivo Alvopublicacao.pdf
Grupo de Usuáriosadministrator
banon
marcelo.pazos@inpe.br
marciana
pubtc@inpe.br
yolanda.souza@mcti.gov.br
Grupo de Leitoresadministrator
marciana
pubtc@inpe.br
Visibilidadeshown
Licença de Direitos Autoraisurlib.net/www/2012/11.12.15.10
Detentor da CópiaSID/SCD
Permissão de Leituraallow from all
Permissão de Atualizaçãonão transferida
Área de fontes relacionadas
Repositório Espelhosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/09.26.14.25.22
Acervo Hospedeirosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/09.26.14.25.20
Área de notas
Campos Vaziosarchivingpolicy archivist callnumber contenttype creatorhistory date descriptionlevel dissemination doi edition format isbn issn label lineage mark nextedition nexthigherunit notes orcid parameterlist parentrepositories previousedition previouslowerunit progress project rightsholder secondarydate secondarykey secondarymark secondarytype session shorttitle sponsor subject tertiarymark tertiarytype translator url versiontype