Resultado da Pesquisa
A expressão de busca foi <related:sid.inpe.br/mtc-m21b/2016/12.29.14.06.55-0:pt:title:2:pantanal sul mato pecuaria:espaco pecuaria bovina corte pantanal mato grosso sul redes territorios territorialidades:>.
39 referências foram encontradas buscando em 15 dentre 15 sites
(este total pode incluir algumas duplicadas - para ver a conta certa clique no botão Mostrar Todas).
As 10 mais similares estão listadas abaixo.
Data e hora local de busca: 28/11/2020 09:03.

Área de identificação
Tipo da ReferênciaAudiovisual Material
Sitemtc-m21b.sid.inpe.br
Código do Detentorisadg {BR SPINPE} ibi 8JMKD3MGPCW/3DT298S
Identificador8JMKD3MGP3W34P/3N4JDU2
Repositóriosid.inpe.br/mtc-m21b/2016/12.29.14.06
Última Atualização2016:12.29.14.06.54 simone
Metadadossid.inpe.br/mtc-m21b/2016/12.29.14.06.55
Última Atualização dos Metadados2018:06.04.02.41.45 administrator
Chave SecundáriaINPE--PRE/
Chave de CitaçãoAraujoSSNSPLNMMRO:2016:ReTeTe
TítuloO espaço da pecuária bovina de corte no Pantanal de Mato Grosso do Sul: redes, territórios e territorialidades
Ano2016
Data22-26 out.
Data de Acesso28 nov. 2020
Número de Arquivos1
Tamanho1691 KiB
Área de contextualização
Autor 1 Araujo, Ana Gabriela de Jesus
 2 Silva, Luiz Tadeu da
 3 Silva, Deivid Galdini
 4 Novaes Júnior, Rene Antônio
 5 Silva, Renata Galvão Neves da
 6 Prado, Marcelo Leme do
 7 Lemes, Murilo da Costa Ruv
 8 Nascimento, Luana Nayara
 9 Masuda, Nágela Fernanda dos Santos
10 Monteiro, Antônio Miguel Vieira
11 Rodriguez, Daniel Andres
12 Oliveira, Gilvan Sampaio de
Identificador de Curriculo 1
 2
 3
 4 8JMKD3MGP5W/3C9JJ5R
 5
 6
 7
 8
 9
10 8JMKD3MGP5W/3C9JGJN
11
12 8JMKD3MGP5W/3C9JHBE
Grupo 1 CST-CST-SPG-INPE-MCTI-GOV-BR
 2 CST-CST-INPE-MCTI-GOV-BR
 3 SER-SRE-SPG-INPE-MCTI-GOV-BR
 4 DSR-OBT-INPE-MCTI-GOV-BR
 5 CST-CST-INPE-MCTI-GOV-BR
 6 LCP-CTE-INPE-MCTI-GOV-BR
 7 MET-MET-SPG-INPE-MCTI-GOV-BR
 8
 9
10 DPI-OBT-INPE-MCTI-GOV-BR
11 CST-CST-INPE-MCTI-GOV-BR
12 DOP-CPT-INPE-MCTI-GOV-BR
Afiliação 1 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
 2 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
 3 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
 4 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
 5 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
 6 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
 7 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
 8
 9
10 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
11 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
12 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
Endereço de e-Mail do Autor 1 ana.araujo@inpe.br
 2 luiz.tadeu@inpe.br
 3 galdini@dsr.inpe.br.
 4 rene.junior@inpe.br
 5 renata.galvao@inpe.br
 6 marcelo.leme@lcp.inpe.br
 7 murilo.ruv@terra.com.br
 8
 9
10 miguel.monteiro@inpe.br
11 daniel.andres@inpe.br
12 gilvan.sampaio@inpe.br
Nome do EventoSimpósio de Geotecnologias no Pantanal, 6 (GeoPantanal)
Localização do EventoCuiabá, MT
Histórico2016-12-29 14:06:55 :: simone -> administrator ::
2018-06-04 02:41:45 :: administrator -> simone :: 2016
Área de conteúdo e estrutura
É a matriz ou uma cópia?é a matriz
Estágio do Documentoconcluido
Estágio do Documentonot transferred
Transferível1
Tipo do ConteudoExternal Contribution
Tipo SecundárioPRE CN
Tipo de Versãopublisher
Palavras-ChavePecuária Bovina de Corte, Pantanal, Mato Grosso do Sul, Território, Redes, Territorialidade, Beef cattle livestock, Pantanal, Mato Grosso do Sul State, Territory, Networks, Territoriality.
ResumoA pecuária bovina de corte é umas principais atividades econômicas do Pantanal Sul Mato-Grossense, planície inundável da Bacia do Alto Paraguai (BAP) com extensão de 89,98 km2. Seguindo o ritmo de cheias e secas sazonais, a atividade tem por característica o deslocamento frequente do gado. Este sistema de criação extensivo faz a ocupação temporária de áreas de acordo com o acesso às terras baixas e disponibilidade de pastagens, organizando seu território em forma de redes. O objetivo deste artigo foi caracterizar as formas territoriais da criação de bovinos no Pantanal Sul, considerando esta lógica de articulação espacial que cria territórios-redes, bem como a diversidade de agentes que atualmente empreendem a atividade e, assim, configuram um campo de multiterritorialidade. Os resultados permitiram uma análise em torno das atuais formas de ocupação, dominação e apropriação territorial da pecuária pantaneira, que superam a visão clássica de base material contínua aplicada ao conceito, ao se realizarem de forma descontínua no espaço e no tempo e sendo construídas no e pelo movimento. Além disso, revelaram articulações sócio-espaciais multiescalares que extrapolam os limites municipais e da planície pantaneira. ABSTRACT: The beef cattle livestock is one of the main economic activities in the Pantanal Sul Mato-Grossense, a floodplain of the Upper Paraguai Basin (BAP) with a length of 89,98 km². Following the rhythm of seasonal floods and droughts, the activity features the often cattle displacement. This extensive creation system makes the temporary areas occupation in accordance with the lowlands access and pastures availability, organizing its territory in network shape. The aim of this paper was to characterize the territorial forms of cattle farming in South Pantanal, considering this spatial articulation logic that creates territories networks, as well as the agents diversity that actually undertake the activity and, thus, constitute a multiterritoriality field. The results allows to analyze around the current occupation, domination and territorial ownership occupation of the Pantanal livestock, which exceed the classical view of continuous material base applied to the concept, held in discontinuously shape in space and time and being built in and by the movement. Besides that, they revealed socio-spatial multi-scale joints that go beyond the municipal boundaries and Pantanal lowland.
AreaCST
Conteúdo da Pasta sourcenão têm arquivos
Conteúdo da Pasta agreement
agreement.html 29/12/2016 12:06 1.8 KiB 
Área de condições de acesso e uso
Idiomapt
Arquivo Alvoespaco da pecuaria.pdf
e-Mail (login)simone
Grupo de Usuáriossimone
Visibilidadeshown
Permissão de Leituraallow from all
Área de fontes relacionadas
Edição Anteriorsid.inpe.br/mtc-m21b/2016/10.26.11.47
Repositório Espelhourlib.net/www/2011/03.29.20.55
Unidades Imediatamente Superiores8JMKD3MGPCW/3EQCCU5
8JMKD3MGPCW/3ER446E
8JMKD3MGPCW/3ET38CH
8JMKD3MGPCW/3F35TRS
8JMKD3MGPCW/3F3NU5S
8JMKD3MGPCW/3F3T29H
Acervo Hospedeirosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/09.26.14.25.20
Área de notas
Campos Vaziosarchivingpolicy archivist callnumber copyholder copyright creatorhistory descriptionlevel dissemination doi e-mailaddress format isbn issn label lineage mark nextedition notes numberofslides orcid parameterlist parentrepositories previouslowerunit progress project publisher publisheraddress readergroup rightsholder secondarydate secondarymark session shorttitle sponsor subject tertiarymark tertiarytype type url
Área de controle da descrição
atualizar 
Área de identificação
Tipo da ReferênciaConference Proceedings
Sitemtc-m21b.sid.inpe.br
Código do Detentorisadg {BR SPINPE} ibi 8JMKD3MGPCW/3DT298S
Identificador8JMKD3MGP3W34P/3MM74B5
Repositóriosid.inpe.br/mtc-m21b/2016/10.26.11.47
Última Atualização2016:11.14.16.39.21 simone
Metadadossid.inpe.br/mtc-m21b/2016/10.26.11.47.01
Última Atualização dos Metadados2018:06.04.02.41.11 administrator
Chave SecundáriaINPE--PRE/
Chave de CitaçãoAraujoSSNSPLNMMRO:2016:ReTeTe
TítuloO espaço da pecuária bovina de corte no Pantanal de Mato Grosso do Sul: redes, territórios e territorialidades
Ano2016
Data22-26 out.
Data de Acesso28 nov. 2020
Número de Arquivos1
Tamanho999 KiB
Área de contextualização
Autor 1 Araujo, Ana Gabriela de Jesus
 2 Silva, Luiz Tadeu da
 3 Silva, Deivid Galdini
 4 Novaes Júnior, Rene Antônio
 5 Silva, Renata Galvão Neves da
 6 Prado, Marcelo Leme do
 7 Lemes, Murilo da Costa Ruv
 8 Nascimento, Luana Nayara
 9 Masuda, Nágela Fernanda dos Santos
10 Monteiro, Antônio Miguel Vieira
11 Rodriguez, Daniel Andres
12 Oliveira, Gilvan Sampaio de
Identificador de Curriculo 1
 2
 3
 4 8JMKD3MGP5W/3C9JJ5R
 5
 6
 7
 8
 9
10 8JMKD3MGP5W/3C9JGJN
11
12 8JMKD3MGP5W/3C9JHBE
Grupo 1 CST-CST-SPG-INPE-MCTI-GOV-BR
 2 CST-CST-INPE-MCTI-GOV-BR
 3 SER-SRE-SPG-INPE-MCTI-GOV-BR
 4 DSR-OBT-INPE-MCTI-GOV-BR
 5 CST-CST-INPE-MCTI-GOV-BR
 6 LCP-CTE-INPE-MCTI-GOV-BR
 7 MET-MET-SPG-INPE-MCTI-GOV-BR
 8
 9
10 DPI-OBT-INPE-MCTI-GOV-BR
11 CST-CST-INPE-MCTI-GOV-BR
12 DOP-CPT-INPE-MCTI-GOV-BR
Afiliação 1 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
 2 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
 3 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
 4 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
 5 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
 6 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
 7 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
 8
 9
10 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
11 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
12 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
Endereço de e-Mail do Autor 1 ana.araujo@inpe.br
 2 luiz.tadeu@inpe.br
 3 galdini@dsr.inpe.br.
 4 rene.junior@inpe.br
 5 renata.galvao@inpe.br
 6 marcelo.leme@lcp.inpe.br
 7 murilo.ruv@terra.com.br
 8
 9
10 miguel.monteiro@inpe.br
11 daniel.andres@inpe.br
12 gilvan.sampaio@inpe.br
Nome do EventoSimpósio de Geotecnologias no Pantanal, 6 (GeoPantanal)
Localização do EventoCuiabá, MT
Título do LivroAnais
Histórico2016-10-26 11:47:01 :: simone -> administrator ::
2016-10-26 11:48:02 :: administrator -> simone :: 2016
2016-10-26 11:49:00 :: simone -> administrator :: 2016
2016-10-30 01:22:04 :: administrator -> simone :: 2016
2016-12-21 14:14:08 :: simone -> administrator :: 2016
2016-12-29 14:04:29 :: administrator -> simone :: 2016
2016-12-29 14:06:55 :: simone -> administrator :: 2016
2018-06-04 02:41:11 :: administrator -> simone :: 2016
Área de conteúdo e estrutura
É a matriz ou uma cópia?é a matriz
Estágio do Documentoconcluido
Estágio do Documentonot transferred
Transferível1
Tipo SecundárioPRE CN
Tipo de Versãopublisher
Palavras-ChavePecuária Bovina de Corte, Pantanal, Mato Grosso do Sul, Território, Redes, Territorialidade, Beef cattle livestock, Pantanal, Mato Grosso do Sul State, Territory, Networks, Territoriality.
ResumoA pecuária bovina de corte é umas principais atividades econômicas do Pantanal Sul Mato-Grossense, planície inundável da Bacia do Alto Paraguai (BAP) com extensão de 89,98 km2. Seguindo o ritmo de cheias e secas sazonais, a atividade tem por característica o deslocamento frequente do gado. Este sistema de criação extensivo faz a ocupação temporária de áreas de acordo com o acesso às terras baixas e disponibilidade de pastagens, organizando seu território em forma de redes. O objetivo deste artigo foi caracterizar as formas territoriais da criação de bovinos no Pantanal Sul, considerando esta lógica de articulação espacial que cria territórios-redes, bem como a diversidade de agentes que atualmente empreendem a atividade e, assim, configuram um campo de multiterritorialidade. Os resultados permitiram uma análise em torno das atuais formas de ocupação, dominação e apropriação territorial da pecuária pantaneira, que superam a visão clássica de base material contínua aplicada ao conceito, ao se realizarem de forma descontínua no espaço e no tempo e sendo construídas no e pelo movimento. Além disso, revelaram articulações sócio-espaciais multiescalares que extrapolam os limites municipais e da planície pantaneira. ABSTRACT: The beef cattle livestock is one of the main economic activities in the Pantanal Sul Mato-Grossense, a floodplain of the Upper Paraguai Basin (BAP) with a length of 89,98 km². Following the rhythm of seasonal floods and droughts, the activity features the often cattle displacement. This extensive creation system makes the temporary areas occupation in accordance with the lowlands access and pastures availability, organizing its territory in network shape. The aim of this paper was to characterize the territorial forms of cattle farming in South Pantanal, considering this spatial articulation logic that creates territories networks, as well as the agents diversity that actually undertake the activity and, thus, constitute a multiterritoriality field. The results allows to analyze around the current occupation, domination and territorial ownership occupation of the Pantanal livestock, which exceed the classical view of continuous material base applied to the concept, held in discontinuously shape in space and time and being built in and by the movement. Besides that, they revealed socio-spatial multi-scale joints that go beyond the municipal boundaries and Pantanal lowland.
AreaCST
Conteúdo da Pasta sourcenão têm arquivos
Conteúdo da Pasta agreement
agreement.html 26/10/2016 09:47 1.0 KiB 
Área de condições de acesso e uso
Idiomapt
e-Mail (login)simone
Grupo de Usuáriossimone
Grupo de Leitoresadministrator
simone
Visibilidadeshown
Área de fontes relacionadas
Edição Posteriorsid.inpe.br/mtc-m21b/2016/12.29.14.06
Repositório Espelhourlib.net/www/2011/03.29.20.55
Unidades Imediatamente Superiores8JMKD3MGPCW/3EQCCU5
8JMKD3MGPCW/3ER446E
8JMKD3MGPCW/3ET38CH
8JMKD3MGPCW/3F35TRS
8JMKD3MGPCW/3F3NU5S
8JMKD3MGPCW/3F3T29H
Acervo Hospedeirosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/09.26.14.25.20
Área de notas
Campos Vaziosaccessionnumber archivingpolicy archivist callnumber contenttype copyholder copyright creatorhistory descriptionlevel dissemination doi e-mailaddress edition editor format isbn issn label lineage mark notes numberofvolumes orcid organization pages parameterlist parentrepositories previousedition previouslowerunit progress project publisher publisheraddress readpermission rightsholder secondarydate secondarymark serieseditor session shorttitle sponsor subject targetfile tertiarymark tertiarytype type url volume
Área de controle da descrição
atualizar 
Área de identificação
Tipo da ReferênciaJournal Article
Siteplutao.sid.inpe.br
Código do Detentorisadg {BR SPINPE} ibi 8JMKD3MGPCW/3DT298S
IdentificadorJ8LNKAN8RW/3E7UN44
Repositóriodpi.inpe.br/plutao/2013/05.31.18.49.32
Última Atualização2013:07.12.13.14.00 administrator
Metadadosdpi.inpe.br/plutao/2013/05.31.18.49.33
Última Atualização dos Metadados2018:06.04.23.39.07 administrator
DOI10.1590/S0102-77862013000100007
ISSN0102-7786
Rótulolattes: 4403422740307019 1 MesquitaMarqKaraAlva:2013:BaRaPa
Chave de CitaçãoMesquitaMarqKaraAlva:2013:BaRaPa
TítuloBalanço de radiação no Pantanal Sul Mato-grossense durante a estação seca / Budget radiation on Pantanal wetland in Mato Grosso do Sul state during the dry season
ProjetoCNPq (476599/2009-1); FAPERJ (E-26/102.394/2010)
Ano2013
Data de Acesso28 nov. 2020
Número de Arquivos1
Tamanho1313 KiB
Área de contextualização
Autor1 Mesquita, Francisco Luiz Leitão de
2 Marques Filho, Edson Pereira
3 Karam, Hugo Abi
4 Alvalá, Regina Célia dos Santos
Identificador de Curriculo1
2
3
4 8JMKD3MGP5W/3C9JJ59
Grupo1 MET-MET-SPG-INPE-MCTI-GOV-BR
2
3
4 CST-CST-INPE-MCTI-GOV-BR
Afiliação1 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
2 Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Rio de Janeiro, RJ, Brasil
3 Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Rio de Janeiro, RJ, Brasil
4 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
Endereço de e-Mail do Autor1 francisco.mesquita@cptec.inpe.br
2 edson@igeo.ufrj.br
3 hugo@igeo.ufrj.br
4 regina.alvala@inpe.br
Endereço de e-Mailfrancisco.mesquita@cptec.inpe.br
RevistaRevista Brasileira de Meteorologia
Volume28
Nota SecundáriaA2 A2 A2 B2 B2 B2 B3 B4 B4 B4 B5 C C C C
Histórico2013-05-31 18:49:33 :: lattes -> administrator ::
2018-06-04 23:39:07 :: administrator -> marcelo.pazos@inpe.br :: 2013
Área de conteúdo e estrutura
É a matriz ou uma cópia?é a matriz
Estágio do Documentoconcluido
Estágio do Documentonot transferred
Transferível1
Tipo do ConteudoExternal Contribution
Tipo SecundárioPRE PN
Tipo de Versãopublisher
Número1
Páginas65-74
Palavras-Chavebalanço de radiação, experimento interdisciplinar do Pantanal, albedo, parametrizações radiométricas, radiation budget, interdisciplinary Pantanal experiment, radiometric parameterizations.
ResumoEste trabalho apresenta a análise das componentes do balanço de radiação à superfície sobre o Pantanal Sul Mato-grossense, a partir de medidas experimentais coletadas durante a estação seca, em setembro de 1999. Neste período, as componentes do balanço de radiação mostraram um ciclo diurno bem definido, associado à densidade de fluxo radiativo de onda curta de 850 Wm-2 ao meio dia. O albedo médio apresentou um comportamento quase especular, com valor mínimo de 0,16±0,02 para ângulos zenitais pequenos. Os valores de emissividade da superfície pantaneira, corrigida para temperatura radiativa de um corpo cinza, variaram entre 0,94 e 0,96. A partir das medidas diretas das densidades dos fluxos radiativos de ondas curtas e longas atmosféricas determinou-se os parâmetros ótimos empregados nas formulações propostas por Monteith e Unsworth (2008), Swinbank (1963) e Brutsaert (1975). ABSTRACT: This work analyses the surface radiation budget components observed over the Pantanal wetland located in the south part of Mato Grosso do Sul State, on September,1999 during the dry season. For this period, these components showed a well defined diurnal cycle, with the shortwave radiation fluxes showing a maximum of 850 Wm-2 at noon. The albedo presents a specular behavior with minimum equal to 0.16±0.02 for small zenithal angle. The land surface emissivity, corrected to a gray body radiative temperature, shows values between 0.94 and 0.96. Direct measurements of shortwave and long-wave density radiative fluxes were used to adjust the optimum parameters on the proposed Monteith and Unsworth (2008), Swinbank (1963) and Brutsaert (1975) formulations.
AreaMET
Tipo de Trabalhojournal article
Conteúdo da Pasta sourcenão têm arquivos
Conteúdo da Pasta agreementnão têm arquivos
Área de condições de acesso e uso
Idiomaen
Arquivo AlvoMesquita_Balanço.pdf
e-Mail (login)marcelo.pazos@inpe.br
Grupo de Usuáriosadministrator
lattes
marcelo.pazos@inpe.br
self-uploading-INPE-MCTI-GOV-BR
Grupo de Leitoresadministrator
marcelo.pazos@inpe.br
Visibilidadeshown
Política de Arquivamentoallowpublisher allowfinaldraft
Área de fontes relacionadas
Repositório Espelhoiconet.com.br/banon/2006/11.26.21.31
Unidades Imediatamente Superiores8JMKD3MGPCW/3F35TRS
8JMKD3MGPCW/3F3T29H
DivulgaçãoPORTALCAPES; SCIELO.
Acervo Hospedeirodpi.inpe.br/plutao@80/2008/08.19.15.01
Área de notas
Campos Vaziosalternatejournal archivist callnumber copyholder copyright creatorhistory descriptionlevel format isbn lineage mark month nextedition notes orcid parameterlist parentrepositories previousedition previouslowerunit progress readpermission rightsholder secondarydate secondarykey session shorttitle sponsor subject tertiarymark tertiarytype url
Área de controle da descrição
atualizar 
Área de identificação
Tipo da ReferênciaConference Proceedings
Sitemtc-m21b.sid.inpe.br
Código do Detentorisadg {BR SPINPE} ibi 8JMKD3MGPCW/3DT298S
Identificador8JMKD3MGP3W34P/3M3BEK5
Repositóriosid.inpe.br/mtc-m21b/2016/07.08.18.32
Última Atualização2016:07.08.18.33.39 simone
Metadadossid.inpe.br/mtc-m21b/2016/07.08.18.32.53
Última Atualização dos Metadados2018:06.04.02.41.00 administrator
Chave SecundáriaINPE--PRE/
Chave de CitaçãoAraújoSilMonOliRod:2016:NoGuMu
TítuloOs territórios da pecuária bovina de corte no Pantanal Sul Mato-Grossense: do nomadismo dos Guaicurus a multiplicidade dos dias atuais
Ano2016
Data17-19 maio
Data de Acesso28 nov. 2020
Número de Arquivos1
Tamanho362 KiB
Área de contextualização
Autor1 Araújo, Ana Gabriela de Jesus
2 Silva, Luiz Tadeu da
3 Monteiro, Antônio Miguel Vieira
4 Oliveira, Gilvan Sampaio de
5 Rodriguez, Daniel Andres
Identificador de Curriculo1
2
3 8JMKD3MGP5W/3C9JGJN
4 8JMKD3MGP5W/3C9JHBE
Grupo1 CST-CST-SPG-INPE-MCTI-GOV-BR
2 CST-CST-INPE-MCTI-GOV-BR
3 DPI-OBT-INPE-MCTI-GOV-BR
4 DOP-CPT-INPE-MCTI-GOV-BR
5 CST-CST-INPE-MCTI-GOV-BR
Afiliação1 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
2 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
3 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
4 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
5 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
Endereço de e-Mail do Autor1 ana.araujo@inpe.br
2 luiz.tadeu@inpe.br
3 miguel@dpi.inpe.br
4 gilvan.sampaio@inpe.br
5 daniel.andres@inpe.br
Nome do EventoCongresso Internacional de História Regional, 1
Localização do EventoAquidauana, MS
Título do LivroAnais
Histórico2016-07-08 18:33:39 :: simone -> administrator :: 2016
2016-07-19 15:09:00 :: administrator -> simone :: 2016
2016-12-20 18:31:45 :: simone -> administrator :: 2016
2018-06-04 02:41:00 :: administrator -> simone :: 2016
Área de conteúdo e estrutura
É a matriz ou uma cópia?é a matriz
Estágio do Documentoconcluido
Estágio do Documentonot transferred
Transferível1
Tipo do ConteudoExternal Contribution
Tipo SecundárioPRE CN
Tipo de Versãopublisher
Palavras-ChavePecuária Bovina de Corte, Multiterritorialidade, Pantanal Sul Mato-Grossense, Beef Cattle Ranching, Multiterritoriality, Pantanal in Mato Grosso do Sul State.
ResumoNo Pantanal, o sistema de criação da pecuária de gado bovino de corte é determinado pelo regime de inundações e secas sazonais. São comuns os deslocamentos do gado e articulação entre áreas, para pastoreio e segurança dos rebanhos. Assim foi desenvolvido um território nômade, multiescalar no tempo e no espaço. Na Geografia, o conceito de território tem a definição clássica de espaço material, contínuo e delimitado por fronteiras estabelecidas. Mais recentemente, o termo vem sendo aplicado a diversos processos sociais, de apropriação imaterial do espaço vivido à espaços usados com extensão e duração variáveis, como os territórios-redes. Este artigo discute esta definição atual de território, com foco na criação de bovinos no Pantanal, considerando as suas formas de ocupação e a diversidade de agentes. As análises apontam diferentes formas territoriais de dominação e apropriação, contínuas e descontínuas, permanentes e temporárias e revelam um fluxo intenso de movimentação do rebanho nas escalas intra regional e entre a planície inundável e terras do planalto. ABSTRACT: In the Pantanal plain, system of beef cattle ranching is determined by the regime of seasonal flooding and drought. Are commons cattle movements and articulation among areas, for grazing and safety heads. So, was developed a "nomadic" territory multiscale in time and space. In Geography, the concept territory like a material space, continuous and bounded by established borders has classic definition. More recently, the term has been applied one different social processes, immaterial appropriation of space living spaces to used with extent and duration variables, like network-territory. This article discusses this current territory definition, focusing on cattle ranching on Pantanal, considering yours forms of occupation and agents. The analyzes show different forms of domination and appropriation territorial, continuous and discontinuous, permanent and temporary and only reveal a drive intense flow to cattle in intra regional scales and between one flood plain and plateau lands.
AreaCST
Conteúdo da Pasta sourcenão têm arquivos
Conteúdo da Pasta agreement
agreement.html 08/07/2016 15:32 1.0 KiB 
Área de condições de acesso e uso
Idiomapt
e-Mail (login)simone
Grupo de Usuáriossimone
Grupo de Leitoresadministrator
simone
Visibilidadeshown
Permissão de Leituraallow from all
Área de fontes relacionadas
Repositório Espelhourlib.net/www/2011/03.29.20.55
Unidades Imediatamente Superiores8JMKD3MGPCW/3EQCCU5
8JMKD3MGPCW/3F3T29H
Acervo Hospedeirosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/09.26.14.25.20
Área de notas
Campos Vaziosaccessionnumber archivingpolicy archivist callnumber copyholder copyright creatorhistory descriptionlevel dissemination doi e-mailaddress edition editor format isbn issn label lineage mark nextedition notes numberofvolumes orcid organization pages parameterlist parentrepositories previousedition previouslowerunit progress project publisher publisheraddress rightsholder secondarydate secondarymark serieseditor session shorttitle sponsor subject targetfile tertiarymark tertiarytype type url volume
Área de controle da descrição
atualizar 
0.33
referência desatualizada
<mtc-m16b.sid.inpe.br>

Área de identificação
Tipo da ReferênciaReport
Sitemtc-m21c.sid.inpe.br
Código do Detentorisadg {BR SPINPE} ibi 8JMKD3MGPCW/3DT298S
Identificador8JMKD3MGP3W34R/42L28P5
Repositóriosid.inpe.br/mtc-m21c/2020/06.08.20.11
Última Atualização2020:06.08.20.11.52 simone
Metadadossid.inpe.br/mtc-m21c/2020/06.08.20.11.52
Última Atualização dos Metadados2020:06.13.08.25.28 administrator
Chave de CitaçãoSilvaArau:2017:AnInEs
TítuloCaracterização socioambiental do pantanal sul matogrossense com o auxílio do geoprocessamento: análise integrada do espaço da pecuária bovina de corte pantaneira
Ano2017
Data de Acesso28 nov. 2020
Número de Arquivos1
Tamanho1962 KiB
Área de contextualização
Autor1 Silva, Leonardo Gomes Balbino da
2 Araujo, Ana Gabriela de Jesus
Grupo1
2 COCST-COCST-INPE-MCTIC-GOV-BR
Afiliação1 Universidade Federal Fluminense (UFF)
2 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
Endereço de e-Mail do Autor1 leogbalbino@gmail.com
2 ana.araujo@inpe.br
InstituçãoInstituto Nacional de Pesquisas Espaciais
CidadeSão José dos Campos
Histórico2020-06-08 20:11:52 :: simone -> administrator ::
2020-06-13 08:25:28 :: administrator -> simone :: 2017
Área de conteúdo e estrutura
É a matriz ou uma cópia?é a matriz
Estágio do Documentoconcluido
Estágio do Documentonot transferred
Transferível1
Número de Páginas17
Palavras-ChavePantanal, pecuária bovina de corte.
ResumoO presente trabalho consiste na análise da dinâmica dos níveis de cotas de canais fluviais que transpassam sete municípios que integram a cadeia produtiva da pecuária bovina de corte do estado de Mato Grosso do Sul, durante os anos de 2007 e 2014, pontuando os eventos e extremos de secas e cheias ocorridos na região, que podem impactar o trânsito de bovinos em cada um e entre os municípios considerados.. O estudo foi elaborado a partir da manipulação do banco de dados geográficos compilado pelo projeto. Os dados referentes a dinâmica hidrológica foram retirados do Sistema Hidroweb da Agência Nacional de Águas (ANA) e os condizentes ao trânsito de animais disponibilizados pela Agência Estadual de Defesa Sanitária Vegetal e Animal do Estado de Mato Grosso do Sul (IAGRO). Os resultados indicaram modificação nos padrões de deslocamento de bovinos para o período em anos de eventos, sendo mais intenso o trânsito em anos de secas severas, como em 2012, provavelmente em razão da escassez de pastos, e por outro lado, apontaram diminuição e alteração na frequência ao longo dos meses em anos de grandes cheias, como em 2011 e 2014, o que sugere a redução das condições de circulação por entre a planície de inundação. Espera-se contribuir com a gestão da bovinocultura de corte na região, ao passo de sua dependência da sazonalidade ambienta em termos hidrológicos.
AreaCST
TipoRPQ
Conteúdo da Pasta sourcenão têm arquivos
Conteúdo da Pasta agreement
agreement.html 08/06/2020 17:11 1.7 KiB 
Área de condições de acesso e uso
Idiomapt
Arquivo Alvosilva_caracterizacao.pdf
e-Mail (login)simone
Grupo de Usuáriossimone
Visibilidadeshown
Permissão de Leituraallow from all
Área de fontes relacionadas
Repositório Espelhourlib.net/www/2017/11.22.19.04.03
Unidades Imediatamente Superiores8JMKD3MGPCW/3EU29DP
8JMKD3MGPCW/3F3T29H
DivulgaçãoBNDEPOSITOLEGAL
Acervo Hospedeirourlib.net/www/2017/11.22.19.04
Área de notas
NotasBolsa PIBIC/INPE/CNPq
Campos Vaziosarchivingpolicy archivist callnumber contenttype copyholder copyright creatorhistory date descriptionlevel doi e-mailaddress edition format isbn issn label lineage mark nextedition orcid parameterlist parentrepositories previousedition previouslowerunit progress project readergroup reportnumber resumeid rightsholder secondarydate secondarykey secondarymark secondarytype session shorttitle sponsor subject tertiarymark tertiarytype translator url versiontype
Área de controle da descrição
atualizar 
Área de identificação
Tipo da ReferênciaConference Proceedings
Sitemtc-m21b.sid.inpe.br
Código do Detentorisadg {BR SPINPE} ibi 8JMKD3MGPCW/3DT298S
Identificador8JMKD3MGP3W34P/3PDSAFL
Repositóriosid.inpe.br/mtc-m21b/2017/08.09.19.33
Última Atualização2020:06.09.19.44.18 simone
Metadadossid.inpe.br/mtc-m21b/2017/08.09.19.33.01
Última Atualização dos Metadados2020:06.09.19.44.19 simone
Chave SecundáriaINPE--PRE/
Chave de CitaçãoSilvaArau:2017:AnInEs
TítuloCaracterização socioambiental do pantanal sul matogrossense com o auxílio do geoprocessamento: análise integrada do espaço da pecuária bovina de corte pantaneira
Ano2017
Data25-26 jul.
Data de Acesso28 nov. 2020
Número de Arquivos1
Tamanho196 KiB
Área de contextualização
Autor1 Silva, Leonardo Gomes Balbino da
2 Araujo, Ana Gabriela de Jesus
Grupo1
2 CST-CST-SESPG-INPE-MCTIC-GOV-BR
Afiliação1 Universidade Federal Fluminense (UFF)
2 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
Endereço de e-Mail do Autor1 leogbalbino@gmail.com
2 anagabrielageo@gmail.com
Nome do EventoSeminário de Iniciação Científica e Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (SICINPE)
Localização do EventoSão José dos Campos, SP
Histórico2017-08-24 17:52:15 :: simone -> administrator :: 2017
2018-06-04 02:27:40 :: administrator -> simone :: 2017
Área de conteúdo e estrutura
É a matriz ou uma cópia?é a matriz
Estágio do Documentoconcluido
Estágio do Documentonot transferred
Transferível1
Tipo do ConteudoExternal Contribution
Tipo SecundárioPRE CN
ResumoA Região Centro-Oeste do Brasil se apresenta como o maior polo pecuário nacional, em 2015 os estados integrantes da região somavam um rebanho bovino de 72.705.736 cabeças de gado (IBGE, 2015). Nesta área também encontra-se a planície de inundação da Bacia do Alto Paraguai, que em território brasileiro é denominada Pantanal, e está inserida nos estados de Mato Grosso (MT) e Mato Grosso do Sul (MS). No MS os municípios que compõem o Pantanal Sul-Mato Grossense, são: Aquidauna, Corumbá, Coxim, Ladário, Miranda, Porto Murtinho e Rio Verde de Mato Grosso. Estes se caracterizam por formar uma região articulada onde a cadeia produtiva da carne bovina se notabiliza pela adaptabilidade do manejo e das técnicas frente à sazonalidade dos níveis dos canais fluvias. Este projeto de Iniciação Científica tem como objetivo a análise integrada da dinâmica hidrológica da região, destacando os eventos extremos (cheias e secas), junto ao comportamento dos fluxos de trânsito dos bovinos nos municípios em questão entre os anos de 2007 e 2014, e como estes são intensamente influenciados pelo panorama dos rios que transpassam o Pantanal Sul. Ao encontro deste discurso foi observado que no município de Corumbá, onde salienta-se a produção de bezerros para o abastecimento de toda a cadeia produtiva, e que possui 97% do território caracterizado como planície de inundação, o número total de animais transportados para outros municípios nos anos de cheias é maior quando comparado com anos secos. Em 2009 (ano de seca severa) o município de Corumbá apresentava um rebanho de 1.973.275 cabeças de gado, deste total, 34% foi remanejado ao longo do ano. Já em 2014 (ano de cheia atípica), o município possuia 1.764.574 cabeças de gado, e destes 55% foi transportado. Estes números indicam a importância da dinâmica dos níveis dos canais fluviais no manejo do gado na região, entretanto ressalta-se que também devem ser levados em conta fatores de conjuntura econômica, política e produtiva que simultâneamente afetam o setor produtivo da pecuária Sul- Matogrossense. Os dados utilizados referentes aos níveis dos rios foram retirados do website da Agência Nacional de Águas (ANA) e os pertinentes ao trânsito de bovinos disponibilizados pela Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (IAGRO), em seguida foram agrupados em um banco de dados que subsidiou à elaboração de mapas temáticos, gráficos e tabelas do trabalho apresentado.
AreaCST
Conteúdo da Pasta sourcenão têm arquivos
Conteúdo da Pasta agreement
agreement.html 09/08/2017 16:33 1.0 KiB 
Área de condições de acesso e uso
Idiomapt
Arquivo AlvoSilva_caracterizacao.pdf
e-Mail (login)simone
Grupo de Usuáriossimone
Grupo de Leitoresadministrator
simone
Visibilidadeshown
Área de fontes relacionadas
Acervo Hospedeirosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/09.26.14.25.20
Área de notas
NotasBolsa PIBIC/INPE/CNPq
Campos Vaziosaccessionnumber archivingpolicy archivist booktitle callnumber copyholder copyright creatorhistory descriptionlevel dissemination doi e-mailaddress edition editor format isbn issn keywords label lineage mark mirrorrepository nextedition nexthigherunit numberofvolumes orcid organization pages parameterlist parentrepositories previousedition previouslowerunit progress project publisher publisheraddress readpermission resumeid rightsholder secondarydate secondarymark serieseditor session shorttitle sponsor subject tertiarymark tertiarytype type url versiontype volume
Área de controle da descrição
atualizar 
Tipo da ReferênciaThesis
Identificador6qtX3pFwXQZ3P8SECKy/yBqqN
Repositóriosid.inpe.br/jeferson/2003/06.30.10.10   (acesso restrito)
Metadadossid.inpe.br/jeferson/2003/06.30.10.10.39
Sitemarte3.sid.inpe.br
Chave SecundáriaINPE-9776-TDI/860
Código do Detentorisadg {BR SPINPE} ibi 8JMKD3MGPCW/3DT298S
Chave de CitaçãoSilva:2002:EsBaRa
AutorSilva, Rita de Cássia
GrupoMET-SPG-INPE-MCT-BR
TítuloEstudo do balanço de radiação no Pantanal sul mato-grossense
Ano2002
BancaFisch, Gilberto Fernando (presidente)
Alvalá, Regina Célia dos Santos (orientadora)
Abreu Sá, Leonardo Deane de
Manzi, Antonio Ocimar
André, Romísio Geraldo Bouhid
Data2002-09-30
Título AlternativoStudy of radiation balance in the Pantanal sul mato-grossense
UniversidadeInstituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
CidadeSão José dos Campos
Palavras-Chavebalanço de radiação, radiação de ondas curtas, radiação de ondas longas, albedo, parametrizações, radiation balance, short wave radiation, long wave radiation, albedo parametrizations.
ResumoPara o estudo da variabilidade das componentes do balanço de radiação na região do Pantanal Sul Mato-Grossense, medidas destas e de outras variáveis micrometeorológicas foram coletadas em experimento realizado durante a estação seca de 1999 (setembro) e entre o período de transição da estação seca para a chuvosa de 2000 (setembro a novembro). Assim, o estudo incluiu avaliação das componentes do balanço de radiação, bem como a estimativa do saldo de radiação através da radiação global incidente (K↓) e do balanço de radiação de ondas curtas (K*); a estimativa do fluxo de radiação de ondas longas proveniente da atmosfera (L↓), utilizando métodos analíticos e empíricos propostos na literatura, ajustando seus coeficientes para a região estudada; a estimativa da razão entre a radiação fotossinteticamente ativa incidente (PAR↓) e K↓, considerando outras variáveis meteorológicas; a análise do saldo de radiação na faixa do infravermelho próximo; a avaliação da variabilidade do albedo nos intervalos das radiações de ondas curtas, fotossinteticamente ativa e infravermelha próxima; e a estimativa do albedo em função do ângulo solar zenital. Os resultados mostraram que houve algumas variações significativas em determinadas componentes do balanço de radiação entre um ano e outro, especialmente em razão das diferenças nas condições da superfície (vegetação mais seca em 1999 e mais verde no ano seguinte). Avaliou-se o desempenho de sete diferentes formulações para a estimativa de L↓ considerando separadamente os dias de céu claro de 1999 (8) e os de 2000 (16). Usando coeficientes locais, de modo geral os melhores ajustes para ambos os anos foram obtidos com a formulação de Prata (função da pressão de vapor e da temperatura). Outrossim, a discriminação entre as formulações feitas a partir do algoritmo de Box e Hill, indicou que a melhor parametrização ajustada para 1999 foi a de Prata, seguindo-se as de Brunt, de Idso, de Satterlund, de Idso e Jackson, de Brutasert e de Swinbank. Para os dados de 2000 a melhor parametrização foi a de Idso, seguindo-se das de Swinbank, de Brunt, de Idso e Jackson, de Prata, de Brutsaert e de Satterlund. O valor médio da razão [eta] (PAR↓/K↓) para o período de 1999 foi igual a 0,48±0,02, enquanto para o período de 2000 foi 0,46±0,01. O albedo médio das radiações solar ([alpha]K), PAR ([alpha]PAR) e IVP ([alpha]IVP) em todos os dias avaliados foram 0,17±0,024; 0,08±0,007; 0,26±0,025 em 1999, respectivamente. Em 2000, os respectivos valores foram 0,17±0,022; 0,06±0,003; 0,26±0,060. Apresentam-se três modelos para a estimativa de PAR a partir de diferentes parâmetros meteorológicos. Além disso, apresentam-se equações para a estimativa do albedo em função do ângulo de elevação do Sol, ajustadas por polinômios de segundo grau, as quais devem ser usadas com cautela, uma vez que os coeficientes de correlação foram relativamente baixos, principalmente em 1999. Finalmente, ressalta-se que as diferenças observadas nos parâmetros microclimáticos e radiativos entre um período e outro, podem ser resultantes das diferenças climáticas entre os dois anos. ABSTRACT: To study the variability of the components of the radiative balance in the Southern Mato Grosso Pantanal, measurements of these components and of the micrometeorological variables were obtained in experiments during both the dry season of 1999 (September), and the transition from the dry to the rainy season of 2000 (September to November). Thus, the components of the radiation balance were evaluated, as well as the estimative of the net radiation through the global incident radiation (K↓) and the short wave radiation balance (K*). Also, the estimative of the long wave flux from the atmosphere (L↓) was obtained, using analytical and empirical methods proposed in the literature, with the adjustment of their coefficients to the region. The estimative of the ratio between the photosynthetically active radiation (PAR↓) and K↓, taking into account other meteorological variables, was made. The analysis of the net radiation in the near infra-red region, plus the evaluation of the variability of the albedo in the short wave, PAR and near infra-red regions, and the estimative of the albedo as a function of the zenital angle were effected. The results show that, from one year to the other, there were significant variations in certain components of the radiation balance. They were due especially to the differences in the surface conditions, that is, drier vegetation in 1999, opposed to a greener subsequent year. The performance of seven different models for the estimation of L↓ was evaluated, considering separately the data measured in 1999 (8 clear days) and in 2000 (16 clear days). Using local coefficients, the best adjustment, in general, was obtained with Prata's model, which is a function of vapor pressure and temperature. Further, the discrimination among these models using the algorithm of Box and Hill, also indicated Prata's parametrization as the best for 1999, followed by the ones of Brunt, of Idso, of Satterlund, of Idso and Jackson, and of Swinbank. For the data of 2000, the best parametrization was Idso's, followed by the ones of Swinbank, of Brunt, of Idso and Jackson, of Prata, of Brutsaert, and of Satterlund. The average value of the ratio [eta] (PAR↓/K↓) for the 1999 period was 0.48±0.02, while for the 2000 period it was 0.46±0.01. The average albedoes of the solar ([alpha]K), of the PAR ([alpha]PAR) and of the NIR ([alpha]IVP) radiations, for the days considered in 1999 were, respectively, 0.17±0.024, 0.08±0.007 and 0.26±0.025; for 2002, they were, respectively, 0.17±0.022, 0.06±0.003 and 0.26±0.060. Three models are presented for the PAR, using meteorological parameters. Also, quadratic equations are presented for the estimation of the albedo as a function of the solar elevation angle; however, as their correlation coefficients were relatively low, they should be used with care. Finally, it should be noted that the differences observed for the microclimatic and radiation parameters in 1999 and in 2000 may be due to the different climatic conditions in both years.
Número de Páginas213
Idiomapt
Tipo da TeseDissertação (Mestrado em Meteorologia)
Tipo SecundárioTDI
DivulgaçãoNTRSNASA; BNDEPOSITOLEGAL.
AreaMET
CursoMET-SPG-INPE-MCT-BR
Tamanho29402 KiB
Número de Arquivos433
Arquivo Alvopublicacao.pdf
Última Atualização2003:06.30.03.00.00 sid.inpe.br/banon/2001/04.03.15.36 sergio
Última Atualização dos Metadados2020:09.03.14.26.49 sid.inpe.br/banon/2001/04.03.15.36 sergio {D 2002}
Estágio do Documentoconcluido
É a matriz ou uma cópia?é a matriz
e-Mail (login)sergio
Grupo de Usuáriosadministrator
Grupo de Leitoresadministrator sergio
Detentor da CópiaSID/SCD
Visibilidadeshown
Transferível1
Acervo Hospedeirosid.inpe.br/banon/2001/04.03.15.36
Estágio do Documentonot transferred
Data Secundária20020930
Detentor dos Direitosoriginalauthor yes locatedauthor no
Permissão de Leituradeny from all
Unidades Imediatamente Superiores8JMKD3MGPCW/3F35TRS
Conteúdo da Pasta sourcenão têm arquivos
Conteúdo da Pasta agreementnão têm arquivos
Histórico2018-06-26 13:47:33 :: administrator -> sergio :: 2002
2018-06-27 14:15:46 :: sergio -> administrator :: 2002
2018-06-28 16:40:39 :: administrator -> sergio :: 2002
Campos Vaziosacademicdepartment affiliation archivingpolicy archivist callnumber contenttype copyright creatorhistory descriptionlevel doi e-mailaddress electronicmailaddress format isbn issn label lineage mark mirrorrepository nextedition notes number orcid parameterlist parentrepositories previousedition previouslowerunit progress resumeid secondarymark session shorttitle sponsor subject tertiarymark tertiarytype url versiontype
Data de Acesso28 nov. 2020
atualizar 
Área de identificação
Tipo da ReferênciaThesis
Sitemtc-m21c.sid.inpe.br
Código do Detentorisadg {BR SPINPE} ibi 8JMKD3MGPCW/3DT298S
Identificador8JMKD3MGP3W34R/3R67B9P
Repositóriosid.inpe.br/mtc-m21c/2018/05.21.14.05
Última Atualização2018:11.09.16.41.07 simone
Metadadossid.inpe.br/mtc-m21c/2018/05.21.14.05.27
Última Atualização dos Metadados2018:11.09.17.02.41 simone
Chave SecundáriaINPE-18057-TDI/2767
Chave de CitaçãoAraujo:2018:InVaHi
TítuloInfluência da variabilidade hidrometeorológica sobre as lógicas territoriais da pecuária no Pantanal, Mato Grosso do Sul, Brasil
Título AlternativoInfluence of hydrometerological variability on the territorial logics of livestock in Pantanal, Mato Grosso do Sul, Brazil
CursoCST-CST-SESPG-INPE-MCTIC-GOV-BR
Ano2018
Data2018-05-17
Data de Acesso28 nov. 2020
Número de Arquivos3
Tamanho11773 KiB
Área de contextualização
AutorAraujo, Ana Gabriela de Jesus
BancaEscada, Maria Isabel Sobral (presidente)
Oliveira, Gilvan Sampaio de (orientador)
Monteiro, Antônio Miguel Viera (orientador)
Silva, João dos Santos Vila da
Padovani, Carlos Roberto
Endereço de e-Mailanagabrielageo@gmail.com
UniversidadeInstituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
CidadeSão José dos Campos
Histórico2018-05-21 14:06:16 :: ana.araujo@inpe.br -> pubtc@inpe.br ::
2018-05-23 16:21:33 :: pubtc@inpe.br -> administrator ::
2018-06-04 01:52:27 :: administrator -> ana.araujo@inpe.br ::
2018-07-05 12:13:07 :: ana.araujo@inpe.br -> administrator ::
2018-07-05 16:59:16 :: administrator -> pubtc@inpe.br ::
2018-07-05 16:59:58 :: pubtc@inpe.br -> ana.araujo@inpe.br ::
2018-07-11 22:33:37 :: ana.araujo@inpe.br -> administrator ::
2018-07-12 18:22:25 :: administrator -> pubtc@inpe.br ::
2018-07-12 18:30:39 :: pubtc@inpe.br -> ana.araujo@inpe.br ::
2018-07-14 12:57:50 :: ana.araujo@inpe.br -> administrator ::
2018-09-10 13:51:06 :: administrator -> pubtc@inpe.br ::
2018-09-12 12:11:15 :: pubtc@inpe.br -> administrator ::
2018-10-11 12:23:29 :: administrator -> simone ::
2018-10-11 12:39:28 :: simone :: -> 2018
2018-11-09 17:02:41 :: simone -> :: 2018
Área de conteúdo e estrutura
É a matriz ou uma cópia?é a matriz
Estágio do Documentoconcluido
Estágio do Documentonot transferred
Transferível1
Tipo SecundárioTDI
Número de Páginas243
Palavras-Chavepecuária bovina de corte, Pantanal, variabilidade, hidrologia, lógicas territoriais, Pantanal livestock, hydrometeorological variability, territorial logics.
ResumoA bovinocultura de corte do Pantanal de Mato Grosso do Sul se destaca na cria de bezerros que abastecem a cadeia produtiva da carne. A criação se sujeita às inundações sazonais naturais da planície e recentemente vem sendo pontuada por novas formas de produção, que revelam lógicas mais intensivas no manejo animal e da terra. Por ser extensiva, a atividade tem por característica o deslocamento frequente do gado de acordo com a disponibilidade dos pastos nativos. Assim, eventos de cheias e secas severas implicam em riscos e custos de produção e comercialização. De forma geral, os estudos da pecuária regional se centram em análises de escalas politicoadministrativas ou de recortes ambientais que não contemplam as diferenças e complementaridades intra regionais. Na perspectiva do planejamento territorial, surge a necessidade de se encontrar instrumentos e métodos ajustados às diferentes escalas - para além do Pantanal Sul como região homogênea ou encobrir as diferenças entre terras baixas e planalto de borda desses municípios. O objetivo desta tese abordou a integração entre a dimensão hidrológica do espaço das águas ritmado pelo pulso das inundações anuais e a dimensão produtiva dos territórios da bovinocultura. Para isso, foi necessário investigar o comportamento espaço-temporal da hidrometeorologia entre 1974 e 2012 e a identificação dos diferentes sistemas técnicos que atuam no Pantanal Sul e interagem com a paisagem. Foram produzidas e analisadas as climatologias e tendências da precipitação e níveis fluviais da região, nas escalas anual e sazonal (meses úmidos/secos). Os resultados da dinâmica hidrológica apontaram dois padrões de comportamento quase decenal opostos (oeste/norte e leste) e padrões específicos de variabilidade interanual, com ocorrência de anomalias de níveis fluviais e alguma relação com eventos intensos do fenômeno climático El Niño Oscilação Sul e com a Oscilação Decenal do Pacífico. A caracterização da dimensão produtiva teve como métrica uma tipologia de sistemas produtivos baseada no método de árvore de decisões, elaborada a partir de dados socioeconômicos com diferentes escalas (sub-regionais planícies/planaltos e propriedades rurais) tendo como unidade integradora a variável de uso da terra pasto, a qual permitiu a espacialização dos sistemas: tradicional, tradicional com inovações, não tradicional com inovações e rupturas e não tradicional com intensificação no nível das propriedades rurais e de sub-regiões com essas tendências produtivas. Contribuindo com um olhar sobre questões da cartografia nômade da bovinocultura organizada em território-rede, foram mapeadas diferentes formas de apropriação territoriais, contínuas e descontínuas, permanentes e temporárias. Este caráter da mobilidade rural foi analisado de forma integrada aos eventos hidrometeorológicos severos e demonstrou a influência, principalmente das cheias, sobre o manejo da atividade. ABSTRACT: Calf breeding is the most important factor in beef cattle production in the Pantanal of Mato Grosso do Sul. New forms of production with more intensive logics in animal and land management has been reveled recently. The breeding affected by natural seasonal floods of the plain and has characteristic of the frequent displacement of cattle, according to the availability of the native pastures. Thus, events of severe floods and droughts imply risks and increase costs of production and commercialization. In general, regional livestock studies focus on analyzes of political-administrative scales or environmental cuts that do not address intra-regional differences and complementarities. From the perspective of territorial planning, there is a need to find instruments and methods adjusted to the different scales, covering up the differences between lowland and upland edge of municipalities, as well as South Pantanal homogeneous region. The objective of this thesis was the integration between the hydrological dimension of the water land, which is influenced by the pulse of the annual floods and the productive dimension of the of cattle territories. For this, it was necessary to investigate the spatio-temporal behavior of hydrometeorology between 1974 and 2012, and the identification of the different technical systems that operate in the Pantanal Sul and interact with the landscape. Climatologies and precipitation trends and fluvial levels of the region, are produced in the annual and seasonal scales (wet/dry) and presented here. The results of the hydrological dynamics showed two patterns of almost opposite decenal behavior (west / north and east) and specific patterns of inter annual variability, with occurrence of fluvial level anomalies and possible relation with intense events such as El Niño Southern Oscillation and Pacific Decenal Oscillation. The productive dimension characterization was based on a typology of productive systems based on the decision tree method elaborated from socioeconomic data with different scales (municipalities, sub-regional plains/plateus and rural properties), having as integrating unit the pasture land use variable, which allowed the spatialisation of the systems on traditional, traditional with innovations, non-traditional with innovations and ruptures, and non-traditional with intensification at the level of rural properties and subregions with these productive trends. Different territorial forms were mapped: territory of appropriation, continuous and discontinuous, permanent and temporary territory. This character of rural mobility has been analyzed in an integrated way with severe hydrometeorological events and it demonstrated and demonstrated the influence, especially of the floods, on the management of the beef catle.
AreaCST
Tipo da TeseTese (Doutorado em Ciência do Sistema Terrestre)
Conteúdo da Pasta source
Originais/@4primeirasPaginas (1).pdf 09/11/2018 09:07 161.0 KiB 
Originais/Avaliação final pag 01 e 02 de Ana Gabriela de Jesus Araujo.pdf 09/11/2018 09:59 397.3 KiB 
Originais/BIBLIOTECA_INPE_TESE_v11julho.pdf 08/11/2018 15:23 11.3 MiB
Originais/TESE_03maio.docx 22/05/2018 17:51 16.4 MiB
Conteúdo da Pasta agreement
autorizacao.pdf 11/10/2018 09:39 997.7 KiB 
Área de condições de acesso e uso
Idiomapt
Arquivo Alvopublicacao.pdf
Grupo de Usuáriosana.araujo@inpe.br
gabinete@inpe.br
pubtc@inpe.br
Grupo de Leitoresadministrator
ana.araujo@inpe.br
gabinete@inpe.br
pubtc@inpe.br
yolanda.souza@mcti.gov.br
Visibilidadeshown
Licença de Direitos Autoraisurlib.net/www/2012/11.12.15.15
Permissão de Leituraallow from all
Área de fontes relacionadas
Repositório Espelhourlib.net/www/2017/11.22.19.04.03
DivulgaçãoBNDEPOSITOLEGAL
Acervo Hospedeirourlib.net/www/2017/11.22.19.04
Área de notas
Campos Vaziosacademicdepartment affiliation archivingpolicy archivist callnumber contenttype copyholder creatorhistory descriptionlevel doi electronicmailaddress format group isbn issn label lineage mark nextedition nexthigherunit notes number orcid parameterlist parentrepositories previousedition previouslowerunit progress resumeid rightsholder secondarydate secondarymark session shorttitle sponsor subject tertiarymark tertiarytype url versiontype
Área de identificação
Tipo da ReferênciaConference Proceedings
Siteplutao.sid.inpe.br
Código do Detentorisadg {BR SPINPE} ibi 8JMKD3MGPCW/3DT298S
IdentificadorJ8LNKAN8RW/38MQPRQ
Repositóriodpi.inpe.br/plutao/2010/12.02.13.11.28
Última Atualização2011:01.31.18.01.24 marciana
Metadadosdpi.inpe.br/plutao/2010/12.02.13.11.29
Última Atualização dos Metadados2018:06.05.00.12.28 administrator
Chave SecundáriaINPE--PRE/
ISBN978-85-60424-05-4
Rótulolattes: 3368934680028882 2 GradellaZaSiKuCoSa:2010:FoReEv
Chave de CitaçãoGradellaZaSiKuCoSa:2010:FoReEv
TítuloFormas do relevo e a evolução deposicional na porção sul do megaleque fluvial do Taquari, Pantanal Sul-mato-grossense
FormatoDVD
Ano2010
Data2010
Data de Acesso28 nov. 2020
Número de Arquivos1
Tamanho1538 KiB
Área de contextualização
Autor1 Gradella, Frederico dos Santos
2 Zani, Hiran
3 Silva, Aguinaldo
4 Kuerten, Sidney
5 Coradini, Fabrício
6 Sakamoto, Arnaldo Yoso
Grupo1
2 DSR-OBT-INPE-MCT-BR
Afiliação1
2 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
Endereço de e-Mail do Autor1
2 hzani@dsr.inpe.br
Endereço de e-Mailhzani@dsr.inpe.br
Nome do EventoSimpósio de Geotecnologias no Pantanal, 3.
Localização do EventoCáceres
Título do LivroAnais
Histórico2010-12-06 14:15:27 :: lattes -> ricardo :: 2010
2010-12-07 11:40:41 :: ricardo -> marciana :: 2010
2011-02-01 17:16:59 :: marciana -> administrator :: 2010
2018-06-05 00:12:28 :: administrator -> marciana :: 2010
Área de conteúdo e estrutura
É a matriz ou uma cópia?é a matriz
Estágio do Documentoconcluido
Estágio do Documentonot transferred
Transferível1
Tipo do ConteudoExternal Contribution
Tipo SecundárioPRE CN
Tipo TerciárioArtigo
Páginas250-259
Palavras-Chavegeomorfologia, geoprocessamento, Pantanal.
ResumoO Pantanal é uma bacia sedimentar ativa preenchida por trato deposicional de leques e planícies fluviais. O megaleque fluvial do Taquari se destaca dentre os leques existentes pela sua forma circular e seu tamanho de aproximadamente 50.000km². A porção sul do megaleque é conhecida por Nhecolândia, tendo como principal característica a grande quantidade de lagoas, dentre elas algumas são conhecidas como salinas por apresentarem alta concentração alta de sais e pH próximo de 9. As lagoas são contornadas por elevações de até 4 metros, que recebem localmente o nome de cordilheiras. Ambas feições geomorfológicas tem sido atribuídas a retrabalhamento eólico numa época em que o Pantanal esteve sobre influência de condições climáticas mais secas, formando campo de dunas durante o Pleistoceno. Objetiva-se identificar por meio de geotecnologias as formas do relevo da Nhecolândia contextualizá-las com a evolução deposicional na porção sul do megaleque fluvial do Taquari como também propor uma readequação de definições geomorfológicas utilizadas até então nesta área. Produtos de sensores remotos ativos e passivos foram processados digitalmente em softwares de geoprocessamento, o que permitiu compartimentar a área em duas unidades relacionadas à declividade. Os resultados apontam que o possível campo de dunas pretérito é maior do que pode ser observado em sensores remotos, uma vez que estas feições se encontram superpostas por eventos deposicionais posteriores. A utilização de técnicas, sensores e ferramentas computacionais modernas de geoprocessamento permitiu obter resultados mais confiáveis e compatíveis com à realidade.
AreaSRE
Conteúdo da Pasta sourcenão têm arquivos
Conteúdo da Pasta agreementnão têm arquivos
Área de condições de acesso e uso
Idiomapt
Arquivo Alvogradella formas.pdf
e-Mail (login)marciana
Grupo de Usuárioslattes
marciana
Visibilidadeshown
Permissão de Leituraallow from all
Área de fontes relacionadas
Unidades Imediatamente Superiores8JMKD3MGPCW/3ER446E
Acervo Hospedeirodpi.inpe.br/plutao@80/2008/08.19.15.01
Área de notas
Campos Vaziosaccessionnumber archivingpolicy archivist callnumber copyholder copyright creatorhistory descriptionlevel dissemination doi edition editor issn lineage mark mirrorrepository nextedition notes numberofvolumes orcid organization parameterlist parentrepositories previousedition previouslowerunit progress project publisher publisheraddress readergroup resumeid rightsholder secondarydate secondarymark serieseditor session shorttitle sponsor subject tertiarymark type url versiontype volume
Área de controle da descrição
atualizar