Resultado da Pesquisa
A expressão de busca foi <secondaryty ci and ref conference and firstg CPT-CPT-INPE-MCTI-GOV-BR and y 2013 and not is * and not booktitle, Resumos and not booktitle, Abstracts>.
10 referências encontradas buscando em 15 dentre 15 sites.
Data e hora local de busca: 24/02/2021 19:47.
Área de identificação
Tipo de ReferênciaArtigo em Evento (Conference Proceedings)
Sitemtc-m21b.sid.inpe.br
Código do Detentorisadg {BR SPINPE} ibi 8JMKD3MGPCW/3DT298S
Identificador8JMKD3MGP5W34M/3FACQBP
Repositóriosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/11.28.16.29
Última Atualização2013:12.19.11.17.15 administrator
Metadadossid.inpe.br/mtc-m21b/2013/11.28.16.29.58
Última Atualização dos Metadados2018:06.04.03.14.18 administrator
Rótuloself-archiving-INPE-MCTI-GOV-BR
Chave de CitaçãoCostaMartPere:2013:ExMoTr
TítuloAerossóis atmosféricos e a quantificação do recurso energético solar: experimentos em modelo de transferência radiativa / Atmospheric aerosol influence on solar resource assessment: experiments in radiative transfer model
Ano2013
Data de Acesso24 fev. 2021
Número de Arquivos1
Tamanho1063 KiB
Área de contextualização
Autor1 Costa, Rodrigo Santos
2 Martins, Fernando Ramos
3 Pereira, Enio Bueno
Identificador de Curriculo1
2
3 8JMKD3MGP5W/3C9JH2E
Grupo1 CPT-CPT-INPE-MCTI-GOV-BR
2 DGE-CEA-INPE-MCTI-GOV-BR
3 CST-CST-INPE-MCTI-GOV-BR
Afiliação1 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
2 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
3 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
Endereço de e-Mail do Autor1 rodrigo.costa@cptec.inpe.br
2 fernando.martins@inpe.br
3 enio.pereira@inpe.br
Endereço de e-Mailmarcelo.pazos@inpe.br
Nome do EventoSimpósio Internacional de Climatologia, 5 (SIC).
Localização do EventoFlorianópolis, SC
Data15-19, set.
Título do LivroAnais
Tipo SecundárioPRE CI
Tipo TerciárioPôster
Histórico2013-11-28 16:29:58 :: valdirene -> administrator ::
2014-01-09 13:37:33 :: administrator -> marcelo.pazos@sid.inpe.br :: 2013
2014-01-09 17:59:24 :: marcelo.pazos@sid.inpe.br -> administrator :: 2013
2014-01-10 14:23:35 :: administrator -> marcelo.pazos@sid.inpe.br :: 2013
2014-01-20 17:45:06 :: marcelo.pazos@sid.inpe.br -> administrator :: 2013
2018-06-04 03:14:18 :: administrator -> marcelo.pazos@inpe.br :: 2013
Área de conteúdo e estrutura
É a matriz ou uma cópia?é a matriz
Estágio do Conteúdoconcluido
Transferível1
Tipo do ConteudoExternal Contribution
Palavras-Chaveatmospheric aerosols, solar energy, horizontal visibility.
ResumoO modelo de transferência radiativa BRASIL-SR é o principal recurso utilizado pelo Grupo de Pesquisa em Recursos Renováveis e Bioenergia do CCST/INPE na quantificação do recurso energético solar. Porém os aerossóis, parte importante do processo radiativo na atmosfera não são adequadamente representados, em função do uso de valores médios mensais climatológicos de visibilidade horizontal. Estes valores foram atualizados através de duas metodologias distintas: visibilidade horizontal observada em aeroportos na América do Sul e estimativas de visibilidade horizontal realizadas através de dados de espessura óptica dos aerossóis em 550 nm, oriundas do modelo CATT-BRAMS. Como esperado, as duas bases de visibilidade horizontal apresentaram menores valores em setembro e maiores valores em março; a visibilidade horizontal observada originou valores médios mensais que variavam entre 13 km e 6 km, enquanto que as estimativas de visibilidade horizontal através dos dados do modelo CATT-BRAMS resultaram em valores de maior amplitude, entre 150 km e 3 km. Foram realizadas simulações distintas para os meses de março, junho, setembro e dezembro do ano de 2007, utilizando a visibilidade horizontal original, a visibilidade observada e a visibilidade estimada, avaliando o comportamento do modelo e sua capacidade em representar a sazonalidade dos aerossóis. As simulações que utilizaram os dados de visibilidade horizontal observada em aeroportos apresentaram melhorias mais significativas nos valores das estimativas de irradiação direta, com diminuições dos valores de viés que chegaram a ser da ordem de 4%. Os resultados das simulações com a base de visibilidade horizontal estimada apresentaram melhor desempenho nos meses e nas regiões onde havia uma elevada carga de aerossóis, como por exemplo, a região Centro-Norte do país, no mês de setembro. Para estes casos, foram verificadas diminuições pontuais de viés e RMSE acima de 11%. ABSTRACT: The radiative transfer model BRASIL-SR is the main resource used by the Research Group on Bioenergy and Renewable Resources of the CCST / INPE in solar energy assessment. Anyway, aerosols, as an important part of atmospheric radiative process are not adequately represented due to the use of mean monthly climatological horizontal visibility. These values were updated using two different methodologies: horizontal visibility observed at airports in South America and horizontal visibility estimates performed using data from the aerosol optical thickness at 550 nm, from CATT-BRAMS model. As expected, the two sets of horizontal visibility presented lower values in September and highest values in March, led to the horizontal visibility observed monthly mean values ranging between 13 km and 6 km, while the estimates of horizontal visibility through data CATT-BRAMS model resulted in values of greater amplitude, between 150 and 3 km. Were performed different simulations for the months of March, June, September and December of year 2007, using the original horizontal visibility, observed horizontal visibility and estimated horizontal visibility to evaluating the behavior of the model and its ability to represent the seasonal aerosols. The simulations that used the data of horizontal visibility observed at airports reported greater improvements in the values of global irradiation estimates, with decreases in the values of bias that came to be the order of 4%. The simulation results with the estimated horizontal visibility performed data were better in the months and in regions where there was a high aerosol loading, for example, the central-north, in the month of September. For these cases, there were decreases of bias and RMSE over 11%.
AreaMET
Arranjo 1INPE > Produção > DIDGE > Aerossóis atmosféricos e...
Arranjo 2INPE > Produção > CGCPT > Aerossóis atmosféricos e...
Arranjo 3INPE > Produção > COCST > Aerossóis atmosféricos e...
Conteúdo da Pasta sourcenão têm arquivos
Conteúdo da Pasta agreement
agreement.html 28/11/2013 14:29 1.0 KiB 
Área de condições de acesso e uso
URL dos dadoshttp://urlib.net/rep/8JMKD3MGP5W34M/3FACQBP
URL dos dados zipadoshttp://urlib.net/zip/8JMKD3MGP5W34M/3FACQBP
Arquivo AlvoCosta_Aerossóis.pdf
Grupo de Usuáriosmarcelo.pazos@inpe.br
self-uploading-INPE-MCTI-GOV-BR
valdirene
Grupo de Leitoresadministrator
marcelo.pazos@inpe.br
valdirene
Visibilidadeshown
Permissão de Leituraallow from all
Permissão de Atualizaçãonão transferida
Área de fontes relacionadas
Repositório Espelhoiconet.com.br/banon/2006/11.26.21.31
Unidades Imediatamente Superiores8JMKD3MGPCW/3EU29DP
8JMKD3MGPCW/3EUPEJL
8JMKD3MGPCW/3F3T29H
Acervo Hospedeirosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/09.26.14.25.20
Área de notas
Campos Vaziosaccessionnumber archivingpolicy archivist callnumber copyholder copyright creatorhistory descriptionlevel dissemination doi edition editor format isbn issn language lineage mark nextedition notes numberofvolumes orcid organization pages parameterlist parentrepositories previousedition previouslowerunit progress project publisher publisheraddress rightsholder secondarydate secondarykey secondarymark serieseditor session shorttitle sponsor subject tertiarymark type url versiontype volume
Área de identificação
Tipo de ReferênciaArtigo em Evento (Conference Proceedings)
Sitemtc-m21b.sid.inpe.br
Código do Detentorisadg {BR SPINPE} ibi 8JMKD3MGPCW/3DT298S
Identificador8JMKD3MGP5W34M/3FB3Q35
Repositóriosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/12.02.18.50
Última Atualização2013:12.10.18.25.29 administrator
Metadadossid.inpe.br/mtc-m21b/2013/12.02.18.50.59
Última Atualização dos Metadados2021:01.02.03.56.16 administrator
Chave de CitaçãoFossSeluChou:2013:AnClFr
TítuloAnálise climatológica da frequência de frentes frias na América do Sul/ Climatological analysis of the frequency of cold fronts in South America
Ano2013
Data de Acesso24 fev. 2021
Número de Arquivos1
Tamanho1267 KiB
Área de contextualização
Autor1 Foss, Marilei
2 Seluchi, Marcelo Enrique
3 Chou, Sin Chan
Identificador de Curriculo1
2 8JMKD3MGP5W/3C9JHP2
Grupo1 CPT-CPT-INPE-MCTI-GOV-BR
2
3 DMD-CPT-INPE-MCTI-GOV-BR
Afiliação1 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
2
3 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
Endereço de e-Mail do Autor1 marilei.foss@cptec.inpe.br
2 marcelo.seluchi@cemaden.gov.br
3 chou.sinchan@cptec.inpe.br
Nome do EventoSimpósio Internacional de Climatologia, 5 (SIC).
Localização do EventoFlorianópolis, SC
Data15-19, set.
Título do LivroAnais
Tipo SecundárioPRE CI
Tipo TerciárioPôster
Histórico2013-12-02 18:50:59 :: valdirene -> administrator ::
2014-01-10 14:25:13 :: administrator -> valdirene :: 2013
2014-01-14 16:59:38 :: valdirene -> administrator :: 2013
2021-01-02 03:56:16 :: administrator -> marcelo.pazos@inpe.br :: 2013
Área de conteúdo e estrutura
É a matriz ou uma cópia?é a matriz
Estágio do Conteúdoconcluido
Transferível1
Tipo do ConteudoExternal Contribution
Palavras-Chaveclimatology, cold fronts, orography.
ResumoRESUMO: O objetivo principal desse estudo é investigar o efeito da orografia na frequência e no deslocamento dos sistemas frontais pela América do Sul. Para isso, foram utilizados os dados do conjunto Climate Forecast System Reanalysis (CFSR), desenvolvido pelo National Centers for Environmental Prediction (NCEP) com resolução horizontal de 0.5º, disponíveis a cada 6 horas para o período de 1979-2010. Sabendo que após a passagem de uma frente fria por uma determinada localidade observa-se um aumento da pressão em superfície, uma queda na temperatura e o giro do vento, que passa a ser da direção sul, formulou-se um critério para calcular a frequência dos sistemas frontais em cada ponto de grade, no níveis de 925 hPa, 850 hPa e 700 hPa. O cálculo da frequência anual das frentes frias revelou algumas características marcantes do deslocamento desses sistemas: a) um máximo da frequência frontal nas latitudes mais altas em todas as estações do ano; b) um máximo secundário da frequência frontal próximo a Cordilheira dos Andes e na região litorânea do Brasil, principalmente nos meses de inverno e primavera; c) um mínimo da frequência frontal nas regiões de orografia mais elevada no setor Centro-Sul do Brasil. Esse mínimo de frequência frontal indica que a orografia pode ser um fator importante para a mudança no padrão e deslocamento da frente fria nas latitudes subtropicais da América do Sul. A fim de investigar os eventos frontais que se deslocaram por essas regiões de Serra, foram realizados composições médias dos campos atmosféricos de dois grupos distintos de frentes, identificados pela climatologia (frentes que passaram pelo ponto de latitude 25ºS e longitude 48ºW, deslocando-se pelo litoral leste do continente sul-americano; e frentes que passaram pelo ponto de latitude 23ºS e longitude 62.5ºW, deslocando-se pelo interior do continente). Esta análise mostrou que a orografia tem um papel importante em modular o deslocamento desses sistemas sinóticos pela América do Sul. ABSTRACT: The main objective of this study is to investigate the effect of orography on the frequency and displacement of frontal systems across South America. For this, were used the data of the Climate Forecast System Reanalysis (CFSR), developed by the National Centers for Environmental Prediction (NCEP) with a horizontal resolution of 0.5º, available every 6 hours in the period 1979-2010. Knowing that after the passage of a cold front in a particular locality there is an increase in surface pressure, a drop in temperature and turning the wind, which becomes southerly direction, was formulated a criterion for calculating the frequency of frontal systems at each grid point at the levels 925 hPa, 850 hPa e 700 hPa. The calculation of the annual frequency of cold fronts revealed some important features of the movement of these systems: a) a maximum frequency frontal in higher latitudes in all seasons of the year; b) a maximum frequency frontal secondary near the Andes and in the region coastline of Brazil, especially in the months of winter and spring; c) a minimum frequency of fronts in regions with higher terrain on sector South-Central Brazil. This minimum frequency of cold fronts indicates that the terrain can be one factor important for the change in the pattern and displacement of the front in the subtropical latitudes of South America. In order to investigate the events of cold fronts that moved through these regions of Sierra, were realized average compositions of atmospheric fields from two distinct groups of fronts (fronts that passed through the point of latitude 25°S and longitude 48°W moving along the coast east of the South America, and fronts that passed through the point of latitude 23°S and longitude 62.5°W, moving through the interior of the continent). This analysis showed that the orography plays an important role in the displacement of these synoptic systems across South America.
AreaMET
Arranjo 1INPE > Produção > CGCPT > Análise climatológica da...
Arranjo 2INPE > Produção > DIDMD > Análise climatológica da...
Conteúdo da Pasta sourcenão têm arquivos
Conteúdo da Pasta agreement
agreement.html 02/12/2013 16:50 1.0 KiB 
Área de condições de acesso e uso
URL dos dadoshttp://urlib.net/rep/8JMKD3MGP5W34M/3FB3Q35
URL dos dados zipadoshttp://urlib.net/zip/8JMKD3MGP5W34M/3FB3Q35
Grupo de Usuáriosmarcelo.pazos@inpe.br
valdirene
Grupo de Leitoresadministrator
marcelo.pazos@inpe.br
valdirene
Visibilidadeshown
Permissão de Leituraallow from all
Permissão de Atualizaçãotransferida para marcelo.pazos@inpe.br
Área de fontes relacionadas
VinculaçãoTrabalho Vinculado à Tese/Dissertação
Repositório Espelhosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/09.26.14.25.22
Unidades Imediatamente Superiores8JMKD3MGPCW/3EUPEJL
8JMKD3MGPCW/43SKC35
Acervo Hospedeirosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/09.26.14.25.20
Área de notas
Campos Vaziosaccessionnumber archivingpolicy archivist callnumber copyholder copyright creatorhistory descriptionlevel dissemination doi e-mailaddress edition editor format isbn issn label language lineage mark nextedition notes numberofvolumes orcid organization pages parameterlist parentrepositories previousedition previouslowerunit progress project publisher publisheraddress rightsholder secondarydate secondarykey secondarymark serieseditor session shorttitle sponsor subject targetfile type url versiontype volume
Área de identificação
Tipo de ReferênciaArtigo em Evento (Conference Proceedings)
Sitemtc-m21b.sid.inpe.br
Código do Detentorisadg {BR SPINPE} ibi 8JMKD3MGPCW/3DT298S
Identificador8JMKD3MGP5W34M/3FC7FLE
Repositóriosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/12.09.18.38   (acesso restrito)
Última Atualização2013:12.13.17.22.06 administrator
Metadadossid.inpe.br/mtc-m21b/2013/12.09.18.38.25
Última Atualização dos Metadados2021:01.02.22.18.59 administrator
Chave de CitaçãoFreireFreiCoel:2013:PrClSa
TítuloPrevisões climáticas sazonais para a América do Sul para dois episódios opostos da Oscilação Sul utilizando um modelo regional/ South America seasonal climate predictions for two opposite Southern Oscillation episodes using a regional model
Ano2013
Data de Acesso24 fev. 2021
Número de Arquivos1
Tamanho637 KiB
Área de contextualização
Autor1 Freire, Julliana Larise Mendonça
2 Freitas, Saulo Ribeiro de
3 Coelho, Caio Augusto dos Santos
Identificador de Curriculo1
2 8JMKD3MGP5W/3C9JJ7M
Grupo1 CPT-CPT-INPE-MCTI-GOV-BR
2 DMD-CPT-INPE-MCTI-GOV-BR
3 DOP-CPT-INPE-MCTI-GOV-BR
Afiliação1 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
2 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
3 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
Endereço de e-Mail do Autor1 julliana.freire@cptec.inpe.br
2 saulo.freitas@cptec.inpe.br
3 caio.coelho@cptec.inpe.br
Nome do EventoSimpósio Internacional de Climatologia, 5 (SIC).
Localização do EventoFlorianópolis, SC
Data15-19, set.
Título do LivroAnais
Tipo SecundárioPRE CI
Tipo TerciárioPôster
Histórico2013-12-09 18:38:25 :: valdirene -> administrator ::
2021-01-02 22:18:59 :: administrator -> marcelo.pazos@inpe.br :: 2013
Área de conteúdo e estrutura
É a matriz ou uma cópia?é a matriz
Estágio do Conteúdoconcluido
Transferível1
Tipo do ConteudoExternal Contribution
Palavras-ChaveDownscaling, ENSO, seasonal climate predictions.
ResumoRESUMO: A previsão climática na escala de tempo sazonal tem contribuído efetivamente para o planejamento de atividades de diversos setores da sociedade que são afetados pela variabilidade climática, tais como, energia, hidrologia, agricultura e saúde. A necessidade de um maior detalhamento das previsões através do aumento da resolução espacial da informação climática tem concentrado nos últimos anos esforços de pesquisas em várias regiões do globo. A aplicação da técnica de redução de escala através de modelagem dinâmica regional, conhecida como downscaling dinâmico, vem sendo utilizada com esse objetivo, que em particular para o presente trabalho consiste no uso de um modelo regional (BRAMS) aninhado unidirecionalmente a um modelo climático de circulação geral da atmosfera MCGA (no caso, o do CPTEC). O presente estudo tem como objetivo, análisar médias sazonais da pressão atmosférica, temperatura do ar, vento zonal e meridional nos altos (200hpa) e baixos (850hpa) níveis observados (reanálises/CFSR) e previstos pelo modelo global (MCGA/CPTEC) e pelo modelo regional (BRAMS) para o período de MAM de dois eventos climáticos extremos: um episódio de El Niño (1983) e um episódio de La Niña (1989). As previsões com o BRAMS foram produzidas na resolução espacial de 30 km de latitude por 30 km de longitude, tendo como condições iniciais as previsões do MCGA do CPTEC e como condições de contorno a persistência das anomalias de temperatura da superfície do mar do mês de Janeiro anterior e a umidade do solo climatológica. Os resultados obtidos mostraram que o modelo regional BRAMS reproduziu bem as características climáticas durante os eventos ENOS estudados. Observa-se que os modelos conseguem capturar o padrão de pressão atmosférica mais (menos) elevada e sobre o continente (oceano) durante o período de La Niña (El Niño), sendo o modelo regional o que apresenta os resultados mais satisfatórios quando comparados às observações. O padrão espacial da temperatura é razoavelmente bem representado pelos modelos global e regional, para os anos de 1983 e 1989. Nas regiões Norte e Nordeste da América do Sul (AS) o MCGA/CPTEC apresentou melhor representação dos padrões observados quando comparado ao BRAMS, já nas demais regiões o BRAMS representou melhor as características observadas do que o MCGA/CPTEC. As observações e previsões para a região tropical da AS indicam temperaturas mais (menos) elevadas durante a atuação do epsódio de El Niño (La Niña). Em relação aos padrões de circulação atmosférica de altos (200hpa) e baixos (850hpa) níveis, pode-se observar que os modelos conseguem reproduzir as características típicas dos eventos climáticos extremos investigados. Para o ano de 1983 o modelo regional reproduz mais realisticamente a condição observada de posicionamento e intensidade do jato subtropical sobre a América do Sul. No ano de 1989 o modelo regional consegue representar de forma satisfatória a circulação e posicionamento da alta da Bolívia. Neste trabalho são apresentados resultados preliminares de uma pesquisa que envolve a produção retrospectiva de previsões climáticas sazonais para os anos de 1979 a 2000 para avaliar a habilidade do modelo regional BRAMS em reproduzir os padrões climáticos dominantes sobre a AS. ABSTRACT: The climate prediction on the seasonal time scale has effectively been contributing to activity planning of various societal sectors that are affected by climate variability such as energy, hydrology, agriculture and health. The need for more detailed forecasts by increasing climate information spatial resolution has focused research efforts in various regions of the globe in recent years. The application of the downscaling technique through regional dynamic modeling, known as dynamic downscaling, has been used for this purpose. In particular, this study uses of regional model (BRAMS) nestled unidirectionally to an atmospheric general circulation climate model (AGCM) currently used at CPTEC for seasonal predictions. The present study aims to analyze seasonal mean atmospheric pressure, air temperature, zonal and meridional wind in upper (200 hPa) and lower (850 hPa) levels both in observations (reanalysis/CFSR) and predictions produced by the global model (AGCM/CPTEC) and the regional model (BRAMS) for the period MAM of two extreme climate events: an El Niño episode (1983) and a La Niña episode (1989). Predictions were produced with BRAMS at a 30 km by 30 km horizontal spatial resolution, using AGCM/CPTEC forecast initial conditions produced with previous January persisted sea surface temperature anomalies boundary conditions and climatological soil moisture conditions. The results showed that BRAMS regional model reproduced well the main climate features during the two investigated ENSO events. The model was able to reproduce the increased (reduced) continental (oceanic) atmospheric pressure pattern during La Niña (El Niño), representing well the corresponding observed patterns. The 1983 and 1989 spatial temperature pattern was also reasonably well represented by both global and regional models. For North and Northeast South America (SA) the AGCM/CPTEC represented better the observed patterns when compared to BRAMS. However, in all other regions BRAMS represented better the observed features than AGCM/CPTEC. Both observations and predictions indicated increased (reduced) tropical temperatures during the El Niño (La Niña) episode. In terms of atmospheric circulation patterns upper (200hPa) and lower (850 hPa) levels, both models were able to reproduce the typical observed features of both investigated extreme events. For the 1983 El Niño event the regional model reproduced more realistically the observed subtropical jet position and intensity over South America. For the 1989 La Niña event the regional model represented well the Bolivian High location. This study presents preliminary results of a research project involving the production of retrospective seasonal climate predictions for the 1979-2000. The final goal is to assess the ability of the model regional in reproducing the prevailing climate patterns over SA.
AreaMET
ArranjoINPE > Produção > CGCPT > Previsões climáticas sazonais...
Conteúdo da Pasta sourcenão têm arquivos
Conteúdo da Pasta agreement
agreement.html 09/12/2013 16:38 1.0 KiB 
Área de condições de acesso e uso
Grupo de Usuáriosvaldirene
Grupo de Leitoresadministrator
valdirene
Visibilidadeshown
Permissão de Leituradeny from all and allow from 150.163
Permissão de Atualizaçãonão transferida
Área de fontes relacionadas
Repositório Espelhoiconet.com.br/banon/2006/11.26.21.31
Unidades Imediatamente Superiores8JMKD3MGPCW/3EUPEJL
8JMKD3MGPCW/43SKC35
8JMKD3MGPCW/43SQKNE
Acervo Hospedeirosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/09.26.14.25.20
Área de notas
Campos Vaziosaccessionnumber archivingpolicy archivist callnumber copyholder copyright creatorhistory descriptionlevel dissemination doi e-mailaddress edition editor format isbn issn label language lineage mark nextedition notes numberofvolumes orcid organization pages parameterlist parentrepositories previousedition previouslowerunit progress project publisher publisheraddress rightsholder secondarydate secondarykey secondarymark serieseditor session shorttitle sponsor subject targetfile tertiarymark type url versiontype volume
Área de identificação
Tipo de ReferênciaArtigo em Evento (Conference Proceedings)
Sitemtc-m21b.sid.inpe.br
Código do Detentorisadg {BR SPINPE} ibi 8JMKD3MGPCW/3DT298S
Identificador8JMKD3MGP5W34M/3FHCR3P
Repositóriosid.inpe.br/mtc-m21b/2014/01.10.17.59
Metadadossid.inpe.br/mtc-m21b/2014/01.10.17.59.51
Última Atualização dos Metadados2018:06.04.03.14.27 administrator
Chave de CitaçãoNetoJúniUrba:2013:MéAjRa
TítuloMétodo de ajuste para Radiação de Onda Longa/ Method of adjust for Long Wave Radiation
FormatoOn-line
Ano2013
Data de Acesso24 fev. 2021
Área de contextualização
Autor1 Neto, Jose Dias
2 Júnior, José Celso Thomaz
3 Urbano, Domingos Fernandes
Identificador de Curriculo1
2 8JMKD3MGP5W/3C9JHGP
Grupo1 CPT-CPT-INPE-MCTI-GOV-BR
2 CPT-CPT-INPE-MCTI-GOV-BR
Afiliação1 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
2 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
Endereço de e-Mail do Autor1
2 celso.thomaz@cptec.inpe.br
3 domingos.urbano@cptec.inpe.br
Endereço de e-Mailmarcelo.pazos@inpe.br
Nome do EventoSimpósio Internacional de Climatologia, 5 (SIC).
Localização do EventoFlorianópolis
Data15-19, set.
Editora (Publisher)Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais
Cidade da EditoraSão José dos Campos
Tipo SecundárioPRE CI
Tipo TerciárioSessão Oral
Histórico2014-01-10 17:59:51 :: marcelo.pazos@sid.inpe.br -> administrator ::
2014-01-10 18:01:22 :: administrator -> marcelo.pazos@sid.inpe.br :: 2013
2014-01-14 17:48:03 :: marcelo.pazos@sid.inpe.br -> administrator :: 2013
2018-06-04 03:14:27 :: administrator -> marcelo.pazos@inpe.br :: 2013
Área de conteúdo e estrutura
Estágio do Conteúdoconcluido
Transferível1
Palavras-Chaveradiação, onda longa.
ResumoA energia emitida pelo Sol incide sobre o sistema terrestre na forma de radiação de onda curta (ROC), composta por raios Ultra-violeta, luz visível, e uma pequena porção de raios Infra-vermelho. Parte da ROC é refletida pela atmosfera, parte é absorvida por nuvens e aerossóis, e parte chega à superfície da Terra. A interação da radiação com os aerossóis e com a superfície do planeta gera aquecimento e conseqüente emissão de Radiação de Onda Longa (ROL). Parte da ROL é aprisionada na baixa atmosfera gerando mais aquecimento e parte é emitida para fora do sistema terrestre. Esse balanço de energia governa o Clima da Terra. Grande esforço tem sido empregado no estudo da ROC nas últimas décadas mas apenas recentemente houve um despertar para a importância da ROL. Recomendações e normas são oferecidas pela Baseline Surface Radiation Network (BSRN) porém obter um banco de dados com controle de qualidade aceitável ainda é uma tarefa difícil, em parte pelas limitações encontradas nos instrumentos de medida (pirgeômetros) em parte pela natureza da medida. Ainda são poucos os bancos de dados de ROL que apresentam dados qualificados. Pretendese desenvolver um método para corrigir os desvios existentes nas medidas ROL apresentados pelos pirgeômetros. Um experimento foi realizado utilizando um rastreador solar equipado com três pirgeômetros sombreados coletando dados simultaneamente em alta resolução por um período de 5 dias consecutivos. Um pirgeômetro (Kipp & Zonen) foi utilizado como padrão (grau de rastreabilidade secundário) pois foi calibrado no Physikalisch- Meteorologisches Observatorium Davos (PMOD). Um pirgeômetro de mesmo modelo e fabricante e sem uso foi utilizado em conjunto com outro da Eppley, já em uso em uma estação solarimétrica do Projeto Sistema Nacional de Observação de Dados Ambientais (SONDA). O método de correção consiste em assumir os valores de irradiância medidos pelo equipamento padrão como o valor real da medida e utilizar o método matemático de mínimos quadrados para determinar os coeficientes de calibração para o equipamento de campo. Com a aplicação deste método foi obtido uma melhor concordância entre valores de irradiância medidos pelo pirgeômetro de campo e o padrão. Isto foi verificado pela redução do viés entre ambas as séries e pelos valores obtidos para a Raiz Quadrada do Erro Quadrático Médio que passou de 2,64 para 0,72. Os resultados aqui apresentados mostram que existe um método para corrigir os dados de ROL e que o método de mínimos quadrados é adequado para o ajuste. Os resultados preliminares indicam que mais experimentos devem ser realizados para verificar a robustez do método. ABSTRACT: The energy emitted by Sun arrives over the earth system like Short Wave Radiation (SW), composed by ultraviolet rays, visible light and a small portion of infrared radiation rays. A portion of SW is reflected by the atmosphere, part is absorbed by clouds and aerosols, an other part arrives at Earth surface. An interaction of radiation with aerosols and with planet surface generates heating and consequently Long Wave Radiation emission (LW). Part of LW is confined at lower atmosphere creating more heating and a parcel is emitted outside of earth system. This energy balance governs the Earth Clime. Large effort have been employed at SW study at last decades but just recently was an awakening to a importance of LW. Recommendation and regulation are offered by Baseline Surface Radiation Network (BSRN) however to get a data bank with good quality control is a difficult task yet, because limitations that are on the instrument of measure (pyrgeometers) and nature of measurement. There are few SW data bank that has a qualified data. Intends to develop a method to correct the LW measure deviation showed by pyrgeometers. An experiment was made using a Sun tracker equipped with three shaded pyrgeometers to collect high resolution data simultaneously for 5 days consecutively. One pyrgeometer (Kipp & Zonen) was used like standard because it was calibrated at Physikalisch-Meteorologisches Observatorium Davos (PMOD). An other new pyrgeometer, of same model used like standard made by Kipp & Zonen, was used with a Eppley pyrgeometer, that is already used at solarimetric station of project Sistema Nacional de Observação de Dados Ambientais (SONDA). The correction method consist at to assume the irradiance values measured by standard instrument like a real measure value and use the least squares method to determine the calibration coefficients for field instrument. With the use of this method it was able to get a better concordance between irradiance values measured by field and standard pyrgeometer. This was verified for bias reduction between series and for values found by Root Mean Square Error that went from 2,64 to 0,72. The results presented here shows that there is a method to correct the LW data and that this method is appropriate for data adjustment. The first results shows that more experiments need to be made to verify the method skill.
AreaMET
ArranjoINPE > Produção > CGCPT > Método de ajuste...
Conteúdo da Pasta sourcenão têm arquivos
Conteúdo da Pasta agreement
agreement.html 10/01/2014 15:59 1.8 KiB 
Área de condições de acesso e uso
Grupo de Usuáriosadministrator
marcelo.pazos@inpe.br
self-uploading-INPE-MCTI-GOV-BR
valdirene
Grupo de Leitoresadministrator
marcelo.pazos@inpe.br
Visibilidadeshown
Permissão de Leituraallow from all
Permissão de Atualizaçãonão transferida
Área de fontes relacionadas
Edição Anteriorsid.inpe.br/mtc-m21b/2013/12.09.17.35
VinculaçãoTrabalho Vinculado à Tese/Dissertação
Repositório Espelhoiconet.com.br/banon/2006/11.26.21.31
Unidades Imediatamente Superiores8JMKD3MGPCW/3EUPEJL
Acervo Hospedeirosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/09.26.14.25.20
Área de notas
Campos Vaziosaccessionnumber archivingpolicy archivist booktitle callnumber contenttype copyholder copyright creatorhistory descriptionlevel dissemination doi edition editor isbn issn label language lineage mark nextedition notes numberoffiles numberofvolumes orcid organization pages parameterlist parentrepositories previouslowerunit progress project rightsholder secondarydate secondarykey secondarymark serieseditor session shorttitle size sponsor subject targetfile type url versiontype volume
Área de identificação
Tipo de ReferênciaArtigo em Evento (Conference Proceedings)
Sitemtc-m21b.sid.inpe.br
Código do Detentorisadg {BR SPINPE} ibi 8JMKD3MGPCW/3DT298S
Identificador8JMKD3MGP5W34M/3FB3SNE
Repositóriosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/12.02.19.23
Última Atualização2013:12.19.11.19.23 administrator
Metadadossid.inpe.br/mtc-m21b/2013/12.02.19.23.25
Última Atualização dos Metadados2021:01.02.22.18.54 administrator
Chave de CitaçãoNevesArauArav:2013:AnÁgPr
TítuloAnálise da água precipitável no início da estação chuvosa das regiões sudeste e centro oeste do Brasil/ Analysis of precipitable water at the beginning of the rainy season in the Southeast and Midwest of Brazil
Ano2013
Data de Acesso24 fev. 2021
Número de Arquivos1
Tamanho703 KiB
Área de contextualização
Autor1 Neves, Danielson Jorge Delgado
2 Araujo, Rayana Santos
3 Aravéquia, José Antonio
Identificador de Curriculo1
2
3 8JMKD3MGP5W/3C9JHFS
Grupo1 CPT-CPT-INPE-MCTI-GOV-BR
2 DOP-CPT-INPE-MCTI-GOV-BR
3 DOP-CPT-INPE-MCTI-GOV-BR
Afiliação1 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
2 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
3 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
Endereço de e-Mail do Autor1 danielson.neves@cptec.inpe.br
2 rayana.araujo@cptec.inpe.br
3 jose.aravequia@cptec.inpe.br
Endereço de e-Mailmarcelo.pazos@inpe.br
Nome do EventoSimpósio Internacional de Climatologia, 5 (SIC).
Localização do EventoFlorianópolis
Data15-19, set.
Título do LivroAnais
Tipo SecundárioPRE CI
Tipo TerciárioPôster
Histórico2013-12-02 19:23:25 :: valdirene -> administrator ::
2014-01-10 14:25:14 :: administrator -> marcelo.pazos@sid.inpe.br :: 2013
2014-01-14 17:02:34 :: marcelo.pazos@sid.inpe.br -> administrator :: 2013
2021-01-02 22:18:54 :: administrator -> marcelo.pazos@inpe.br :: 2013
Área de conteúdo e estrutura
É a matriz ou uma cópia?é a matriz
Estágio do Conteúdoconcluido
Transferível1
Tipo do ConteudoExternal Contribution
Palavras-Chaveprecipitable water, rainy season.
ResumoA estação chuvosa nas regiões Centro Oeste e Sudeste do Brasil é o objeto de estudo da presente pesquisa, que enfoca a caracterização das condições de umidade atmosférica nos instantes que precedem o inicio das chuvas sobre essas regiões, para o período de 2000 a 2010. Dados de reanálise do Climate Forcast System Reanalysis (CFSR) de água precipitável serão usados para identificar o começo da estação chuvosa usando-se a metodologia proposta por Zeng e Lu (2004). Esta metodologia utiliza o Índice Normalizado de Água Precipitável (NPWI) que permite identificar o instante em que ocorre o inicio da estação chuvosa a partir do momento em que o índice for superior ao limiar de 0,618. Essa data será confrontada com a encontrada usando-se dados de chuva do MERGE (Rozante et al, 2010), aplicando-se a metodologia proposta por Marengo et al. (2001). Ambas as metodologias apontam datas para o inicio da estação chuvosa, próximas às datas indicadas pela literatura, ou seja, durante a primavera entre os meses de Setembro e Outubro, precedidos por um aumento gradual na quantidade de água precipitável na atmosfera dessas regiões, o qual pode ser justificado pela intensificação do jato de baixos níveis que ocorre nesse período, conduzindo a umidade proveniente do Atlântico e reciclada sobre a Amazônia, para a região sudeste e centro oeste do Brasil. ABSTRACT: The rainy season in the Midwest and Southeast regions of Brazil is the object of study of this research, which focuses on the characterization of the conditions of atmospheric moisture in the moments preceding the onset of the rains on these regions for the period 2000-2010. Precipitable water reanalysis data of the "Climate Forcast System Reanalysis" (CFSR) will be used to identify the beginning of the rainy season using the methodology proposed by Zeng and Lu (2004). This methodology uses the Normalised Precipitable Water Index (NPWI) which identifies the instant at which occurs the start of the rainy season from the time when the index exceeds the threshold 0,618. This date will be confronted with that found using rainfall data of MERGE (ROZANTE et al, 2010), applying the methodology proposed by Marengo et al. (2001). Both methodologies indicate dates to the beginning of the rainy season close to the dates indicated in the literature, during the spring between the months of September and October, preceded by a gradual increase in the amount of precipitable water in the atmosphere of these regions, which can be explained by the intensification of the low level jet that occurs during this period, leading moisture from the Atlantic and recycled over the Amazon, to the southeast and center-west of Brazil.
AreaMET
ArranjoINPE > Produção > CGCPT > Análise da água...
Conteúdo da Pasta sourcenão têm arquivos
Conteúdo da Pasta agreement
agreement.html 02/12/2013 17:23 1.0 KiB 
Área de condições de acesso e uso
URL dos dadoshttp://urlib.net/rep/8JMKD3MGP5W34M/3FB3SNE
URL dos dados zipadoshttp://urlib.net/zip/8JMKD3MGP5W34M/3FB3SNE
Arquivo AlvoNeves_Análise.pdf
Grupo de Usuáriosmarcelo.pazos@inpe.br
self-uploading-INPE-MCTI-GOV-BR
valdirene
Grupo de Leitoresadministrator
marcelo.pazos@inpe.br
valdirene
Visibilidadeshown
Permissão de Leituraallow from all
Permissão de Atualizaçãonão transferida
Área de fontes relacionadas
VinculaçãoTrabalho Vinculado à Tese/Dissertação
Repositório Espelhoiconet.com.br/banon/2006/11.26.21.31
Unidades Imediatamente Superiores8JMKD3MGPCW/3EUPEJL
8JMKD3MGPCW/43SQKNE
Acervo Hospedeirosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/09.26.14.25.20
Área de notas
Campos Vaziosaccessionnumber archivingpolicy archivist callnumber copyholder copyright creatorhistory descriptionlevel dissemination doi edition editor format isbn issn label language lineage mark nextedition notes numberofvolumes orcid organization pages parameterlist parentrepositories previousedition previouslowerunit progress project publisher publisheraddress rightsholder secondarydate secondarykey secondarymark serieseditor session shorttitle sponsor subject type url versiontype volume
Área de identificação
Tipo de ReferênciaArtigo em Evento (Conference Proceedings)
Sitemtc-m21b.sid.inpe.br
Código do Detentorisadg {BR SPINPE} ibi 8JMKD3MGPCW/3DT298S
Identificador8JMKD3MGP5W34M/3FC77JL
Repositóriosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/12.09.17.00
Última Atualização2013:12.10.18.37.57 valdirene
Metadadossid.inpe.br/mtc-m21b/2013/12.09.17.00.48
Última Atualização dos Metadados2018:06.04.03.14.19 administrator
Chave de CitaçãoRibeiroSelu:2013:FrQuSu
TítuloFrentes Quentes no Sudeste da América do Sul no período de 2001 a 2010/ Warm fronts in Southeast South America in the 2001-2010 period
Ano2013
Data de Acesso24 fev. 2021
Número de Arquivos1
Tamanho4429 KiB
Área de contextualização
Autor1 Ribeiro, Bruno Zanetti
2 Seluchi, Marcelo Enrique
Identificador de Curriculo1
2 8JMKD3MGP5W/3C9JHP2
Grupo1 CPT-CPT-INPE-MCTI-GOV-BR
Afiliação1 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
Endereço de e-Mail do Autor1 bruno.ribeiro@cptec.inpe.br
2 marcelo.seluchi@cemaden.gov.br
Nome do EventoSimpósio Internacional de Climatologia, 5 (SIC).
Localização do EventoFlorianópolis
Data15-19, set.
Título do LivroAnais
Tipo SecundárioPRE CI
Tipo TerciárioSessão Oral
Histórico2013-12-09 17:00:48 :: valdirene -> administrator ::
2014-01-10 14:25:14 :: administrator -> valdirene :: 2013
2014-01-14 17:41:37 :: valdirene -> administrator :: 2013
2018-06-04 03:14:19 :: administrator -> valdirene :: 2013
Área de conteúdo e estrutura
É a matriz ou uma cópia?é a matriz
Estágio do Conteúdoconcluido
Transferível1
Tipo do ConteudoExternal Contribution
Palavras-Chavewarm front, reanalysis.
ResumoRESUMO: O presente estudo analisa as frentes quentes que ocorrem na região Sudeste da América do Sul (entre 20°S e 35°S) no período 2001 a 2010. Para a identificação dos sistemas foi utilizado um método objetivo que leva em conta o módulo do gradiente meridional de temperatura potencial equivalente (θe), que deve apresentar um valor mínimo de 2 K/100km. A área com este gradiente mínimo devia deslocar-se para sul, persistindo por pelo menos um dia, sempre havendo uma variação ciclônica dos ventos da retaguarda para a dianteira da frente quente. Para essa finalidade utilizaram-se os dados de reanálises do Climate Forecast System Reanalysis (CFSR/NCEP), com espaçamento horizontal de 0,5°, no nível de 850 hPa. Os casos foram contabilizados e divididos, conforme a região de origem da frente quente, em três faixas de latitude: 20°S a 25°S, 26°S a 30°S e 31°S a 35°S. Também foram contabilizados os casos em que um ciclone formou-se depois ou durante a atuação da frente, e os casos de sistemas que surgiram na extremidade oeste de frentes frias ou estacionárias, como prolongamento destas. No período estudado ocorreram 220 casos de frentes quentes no Sudeste da América do Sul, conforme a metodologia empregada. O mês com mais casos foi Junho (16,4% dos registros), e o com menos casos foi Fevereiro (2,7%). Os trimestres de outono (Abril-Maio-Junho) e inverno (Julho-Agosto-Setembro) tiveram 34,5% e 34,1% dos casos, respectivamente. Quase metade dos sistemas identificados (46,8%) formaram-se entre 26°S e 30°S, enquanto que na faixa de 20°S a 25°S (30 a 35°S) se originaram 29,1% (24,1%) das frentes quentes. Entre os eventos contabilizados, 66,8% estiveram associados à formação de um ciclone extratropical na região, e 49,5% surgiram como prolongamento de frentes frias ou estacionárias que retrocederam para sul na forma de uma frente quente. A frequência média de ocorrência das frentes quentes na região estudada é de uma frente a cada 16,6 dias, sendo maior no trimestre Abril-Maio-Junho (uma frente a cada 12 dias). Notou-se também que a ocorrência dos sistemas segue um padrão ondulatório, com períodos nos quais a frequência de eventos aumenta muito, e outros períodos em que pouquíssimas frentes quentes são observadas. Os resultados obtidos sugerem que as frentes quentes são sistemas sinóticos frequentes no sudeste de América do Sul, principalmente no inverno, quando a troposfera é mais baroclínica na região. A formação desses sistemas tem estreita relação com as ciclogêneses que ocorrem nas latitudes subtropicais da América do Sul, particularmente nos meses mais frios do ano. As frentes quentes ocorreram geralmente na borda leste do sistema de baixa pressão climatológico no nordeste da Argentina, localizando-se no eixo de um cavado associado à essa baixa. A menor ocorrência no verão em comparação com as outras estações do ano possivelmente deve-se a diminuição do módulo do gradiente de θe em função da grande quantidade de radiação solar incidente nesta época do ano. ABSTRACT: The present study analyzes the warm fronts that occur in the Southeast South America region (between 20°S and 35°S), in the 2001 to 2010 period. An objective method was used to identify the systems that takes into account the equivalent potential temperature (θe) meridional gradient magnitude, which should have a minimum value of 2 K/100km. The area with this minimum gradient should move south, persisting for at least one day, always with a cyclonic variation of winds from rear to the front of the warm front. To this aim Climate Forecast System Reanalysis (CFSR/NCEP) data were used, with 0.5° of horizontal spacing, in the 850 hPa level. The cases were accounted and divided, by region of origin of the warm front, in three latitude ranges: 20°S to 25°S, 26°S to 30°S and 31°S to 35°S. Cases in which a cyclone developed after or during the front acting and the cases of systems that emerged on the west end of cold or stationary fronts, as an extension of these, were accounted too. In the studied period 220 warm front cases occurred in Southeast South America, according to the methodology used. The month with more cases was June (16.4% of the records), and that with less cases was February (2.7%). The quarters of autumn (April-May-June) and winter (July-August-September) had 34.5% and 34.1% of the cases, respectively. Almost half of the systems identified (46.8%) formed between 26°S and 30°S, whereas in the ranges of 20°S to 25°S (30°S to 35°S) were originated 29.1% (24.1%) of the warm fronts. Among the accounted events, 66.8% were related with extratropical cyclones formation in the region, and 49.5% emerged as extension of cold or stationary fronts that retreated south as warm fronts. The average frequency of warm front occurrence in the studied region is of one front every 16.6 days, being higher in the quarter April-May-June (a front every 12 days). It was also noted that the occurrence of the systems follow a wavelike pattern, with periods in which the frequency of events increases greatly, and other periods when very few warm fronts are observed. The results suggest that warm fronts are frequent synoptic systems in southeast of South America, especially in winter, when the troposphere is more baroclinic in the region. The formation of these systems is closely related to the cyclogenesis that occurs in subtropical latitudes of South America, particularly in the colder months of the year. Warm fronts usually occurred on the eastern edge of the climatological low pressure system in northeastern Argentina, being located on the axis of a trough associated with this low. The lower incidence in summer compared to other seasons of the year is possibly due to decreased θe gradient magnitude in function of the large amount of solar radiation incident at this time of year.
AreaMET
ArranjoINPE > Produção > CGCPT > Frentes Quentes no...
Conteúdo da Pasta sourcenão têm arquivos
Conteúdo da Pasta agreement
agreement.html 09/12/2013 15:00 1.0 KiB 
Área de condições de acesso e uso
URL dos dadoshttp://urlib.net/rep/8JMKD3MGP5W34M/3FC77JL
URL dos dados zipadoshttp://urlib.net/zip/8JMKD3MGP5W34M/3FC77JL
Grupo de Usuáriosvaldirene
Grupo de Leitoresadministrator
valdirene
Visibilidadeshown
Permissão de Leituraallow from all
Permissão de Atualizaçãonão transferida
Área de fontes relacionadas
VinculaçãoTrabalho Vinculado à Tese/Dissertação
Repositório Espelhosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/09.26.14.25.22
Unidades Imediatamente Superiores8JMKD3MGPCW/3EUPEJL
Acervo Hospedeirosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/09.26.14.25.20
Área de notas
Campos Vaziosaccessionnumber archivingpolicy archivist callnumber copyholder copyright creatorhistory descriptionlevel dissemination doi e-mailaddress edition editor format isbn issn label language lineage mark nextedition notes numberofvolumes orcid organization pages parameterlist parentrepositories previousedition previouslowerunit progress project publisher publisheraddress rightsholder secondarydate secondarykey secondarymark serieseditor session shorttitle sponsor subject targetfile type url versiontype volume
Área de identificação
Tipo de ReferênciaArtigo em Evento (Conference Proceedings)
Sitemtc-m21b.sid.inpe.br
Código do Detentorisadg {BR SPINPE} ibi 8JMKD3MGPCW/3DT298S
Identificador8JMKD3MGP5W34M/3FBCKES
Repositóriosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/12.04.19.07
Última Atualização2013:12.10.18.32.34 valdirene
Metadadossid.inpe.br/mtc-m21b/2013/12.04.19.07.53
Última Atualização dos Metadados2021:01.02.03.56.17 administrator
Chave de CitaçãoSantosBragSansCamp:2013:CaEsÍn
TítuloCaracterísticas Espaciais do Índice de Precipitação Normalizada (SPI) no Estado do Pará, PA/ Spatial Characteristics of Standardized Precipitation Index (SPI) in the State of Pará, PA
Ano2013
Data de Acesso24 fev. 2021
Número de Arquivos1
Tamanho1179 KiB
Área de contextualização
Autor1 Santos, Sergio Rodrigo Quadros Dos
2 Braga, Celia Campos
3 Sansigolo, Clovis Angeli
4 Campos, Thamiris Brandão
Identificador de Curriculo1
2
3 8JMKD3MGP5W/3C9JGSK
Grupo1 CPT-CPT-INPE-MCTI-GOV-BR
2
3 DMD-CPT-INPE-MCTI-GOV-BR
Afiliação1 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
2
3 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
Endereço de e-Mail do Autor1 sergio.santos@cptec.inpe.br
2 celia@dca.ufcg.edu.br
3 clovis.sansigolo@cptec.inpe.br
4 thamiris_brandao@yahoo.com.br
Nome do EventoSimpósio Internacional de Climatologia, 5 (SIC).
Localização do EventoFlorianópolis
Data15-19, set.
Título do LivroAnais
Tipo SecundárioPRE CI
Tipo TerciárioPôster
Histórico2013-12-04 19:07:53 :: valdirene -> administrator ::
2014-01-10 14:25:14 :: administrator -> valdirene :: 2013
2014-01-14 17:13:29 :: valdirene -> administrator :: 2013
2021-01-02 03:56:17 :: administrator -> valdirene :: 2013
Área de conteúdo e estrutura
É a matriz ou uma cópia?é a matriz
Estágio do Conteúdoconcluido
Transferível1
Tipo do ConteudoExternal Contribution
Palavras-ChaveSPI, ACP, Para.
ResumoO SPI (Índice de Precipitação Normalizada) é utilizado para quantificar o déficit e/ou excesso de precipitação nas múltiplas escalas de tempo. Ele tem se mostrado bastante útil no monitoramento da precipitação, principalmente pela sua flexibilidade, simplicidade de cálculo e interpretação. Desta forma determinaram-se regiões homogêneas do SPI na escala de três meses no Estado do Pará, através da análise Fatorial em Componentes Principais (ACP) e Agrupamento. Para isso utilizaram-se dados mensais de 72 postos pluviométricos distribuídos no Estado. Aplicou-se a análise de agrupamento hierárquico aos 18 fatores comuns espaciais de SPI-3, que explicam 70% da variação total dos dados, usando o método de variância mínima proposto por Ward em 1963. Os resultados mostraram três regiões homogêneas (Rh) do SPI-3, são elas: Rh-1 (litoral), Rh-2 (central /norte-noroeste) e Rh-3 (sul). Escolheu-se aleatoriamente uma estação dentro de cada Rh para discutir as principais características do SPI-3. A cidade de Castanhal representou o Rh-1 e ficou classificada com 26 eventos secos e 21 chuvosos; a Rh-2, representada pela cidade de Uruara, apresentou 19 eventos secos e 29 chuvosos e por ultimo a cidade de Barreira do Campo representou o Rh-3, nessa região homogênea observamos 19 eventos secos e 32 chuvosos. A metodologia empregada mostrou que para a região do litoral ocorreram mais eventos secos do que chuvoso. Enquanto que para as Rh-2 e Rh-3, que ocupa a porção central /norte-noroeste e sul do estado, identificou-se mais eventos de chuva, porém com pouca duração. Isto pode está relacionado a influencias dos distintos fenômenos meteorológicos de grande e pequena escala como: Zona de Convergência Intertropical (ZCIT), Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS), Linhas de Instabilidade, Efeito de Brisa Marítima, Convenção local, dentre outros. Que atuam nas diferentes regiões homogêneas do estado. The SPI (Standardized Precipitation Index) is used to quantify the deficit/excess rainfall on multiple time scales. It has been very useful in monitoring of precipitation, mainly because of its flexibility, simplicity of calculation and interpretation. Then, we were determined homogeneous regions of the SPI in the range of three months in the state of Pará, through the Principal Components Factor analysis (PCA) and Cluster. For this we used monthly data from 72 raingauge stations distributed in the state. Applying a hierarchical cluster analysis at 18 common factors spatial SPI-3, which explains 70% of the total variation of the data, using the method of minimum variance proposed by Ward in 1963. The results showed three homogeneous regions (Rh) of the SPI-3, they are: Rh-1 (coastal), Rh-2 (central / north-northwest) and Rh-3 (South). We were chosen randomly within each station Rh to discuss the main features of the SPI-3. The city of Castanhal represented the Rh-1 was classified with 26 events dry and 21 rain, the Rh-2, represented by the city of Uruará presented 19 events dry and 29 events rain and finally the city Barreira do Campo represented the Rh-3, we observed that homogeneous region 19 events dry and 32 events rain. The methodology showed that for the coastal region events occurred drier than rain. While for Rh-2 and Rh-3, which occupies the central / north-northwest and south of the state, identified more rainfall events but with little persistent. This might be related influences of different meteorological phenomena large and small scale that acting in different homogeneous regions of the state, as the Intertropical Convergence Zone (ITCZ), Zone of the South Atlantic Convergence (SACZ), Squall Lines, Effect of Sea Breeze, site convection, among others.
AreaMET
ArranjoINPE > Produção > CGCPT > Características Espaciais do...
Conteúdo da Pasta sourcenão têm arquivos
Conteúdo da Pasta agreement
agreement.html 04/12/2013 17:07 1.0 KiB 
Área de condições de acesso e uso
URL dos dadoshttp://urlib.net/rep/8JMKD3MGP5W34M/3FBCKES
URL dos dados zipadoshttp://urlib.net/zip/8JMKD3MGP5W34M/3FBCKES
Grupo de Usuáriosvaldirene
Grupo de Leitoresadministrator
valdirene
Visibilidadeshown
Permissão de Leituraallow from all
Permissão de Atualizaçãonão transferida
Área de fontes relacionadas
VinculaçãoTrabalho Vinculado à Tese/Dissertação
Repositório Espelhosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/09.26.14.25.22
Unidades Imediatamente Superiores8JMKD3MGPCW/3EUPEJL
8JMKD3MGPCW/43SKC35
Acervo Hospedeirosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/09.26.14.25.20
Área de notas
Campos Vaziosaccessionnumber archivingpolicy archivist callnumber copyholder copyright creatorhistory descriptionlevel dissemination doi e-mailaddress edition editor format isbn issn label language lineage mark nextedition notes numberofvolumes orcid organization pages parameterlist parentrepositories previousedition previouslowerunit progress project publisher publisheraddress rightsholder secondarydate secondarykey secondarymark serieseditor session shorttitle sponsor subject targetfile type url versiontype volume
Área de identificação
Tipo de ReferênciaArtigo em Evento (Conference Proceedings)
Sitemtc-m21b.sid.inpe.br
Código do Detentorisadg {BR SPINPE} ibi 8JMKD3MGPCW/3DT298S
Identificador8JMKD3MGP5W34M/3FB3UKH
Repositóriosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/12.02.19.46
Metadadossid.inpe.br/mtc-m21b/2013/12.02.19.46.42
Última Atualização dos Metadados2021:01.02.22.18.55 administrator
Chave de CitaçãoSilvaFerr:2013:AnVaSa
TítuloAnálise da variabilidade sazonal e do padrão espacial dos sistemas sinóticos de alta frequência no Hemisfério Sul/ Analysis of seasonal variability and spatial pattern of high-frequency synoptic systems in the Southern Hemisphere
Ano2013
Data de Acesso24 fev. 2021
Área de contextualização
Autor1 Silva, Jessica Tatiane Da
2 Ferreira, Nelson Jesus
Identificador de Curriculo1
2 8JMKD3MGP5W/3C9JHUB
Grupo1 CPT-CPT-INPE-MCTI-GOV-BR
2 DOP-CPT-INPE-MCTI-GOV-BR
Afiliação1 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
2 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
Endereço de e-Mail do Autor1 jessica.silva@cptec.inpe.br
2 nelson.ferreira@cptec.inpe.br
Endereço de e-Mailmarcelo.pazos@inpe.br
Nome do EventoSimpósio Internacional de Climatologia, 5 (SIC).
Localização do EventoFlorianópolis
Data15-19, set.
Título do LivroAnais
Tipo SecundárioPRE CI
Tipo TerciárioPôster
Histórico2013-12-02 19:46:42 :: valdirene -> administrator ::
2014-01-10 14:25:14 :: administrator -> marcelo.pazos@sid.inpe.br :: 2013
2014-01-14 17:01:18 :: marcelo.pazos@sid.inpe.br -> administrator :: 2013
2021-01-02 22:18:55 :: administrator -> marcelo.pazos@inpe.br :: 2013
Área de conteúdo e estrutura
Estágio do Conteúdoconcluido
Transferível1
Tipo do ConteudoExternal Contribution
Palavras-ChaveSynoptic Systems, Principal Oscillation Pattern.
ResumoRESUMO: Este estudo analisa a variabilidade temporal e o padrão espacial dos sistemas sinóticos de alta frequência (2 a 8 dias) que ocorrem nas latitudes médias e altas do Hemisfério Sul. As análises foram feitas utilizando-se dados diários da altura geopotencial em 500 hPa derivados das reanálises II do National Centers for Environmental Prediction Departament of Energy (NCEP-DOE). Os dados obtidos apresentam resolução espacial de 2.5° de longitude por 2.5° de latitude, abrangem as latitudes entre 0° e 70°S e cobrem o período de novembro de 1981 a setembro de 1990. As análises foram realizadas por meio do método dos Padrões de Oscilações Principais (POP). Os resultados obtidos mostram que para ambas estações, inverno (maio a setembro) e verão (novembro a fevereiro), o padrão espacial da amplitude apresenta maiores valores no hemisfério leste, principalmente sobre os oceanos Atlântico Sul e Indico, geralmente centrada entre 45° e 55° S. As amplitudes aparecem mais acentuadas durante o inverno. O padrões espaciais das componentes real e imaginária analisados para o inverno apresentam um trem de onda zonal com número de onda 5, período de 6 dias e tempo de decaimento de 11 dias. Os modos encontrados para o verão apresentam número de onda 4, período de 6 dias e tempo de decaimento de 7 dias. A análise das séries temporais da amplitude revela valores acentuados nos meses novembro e fevereiro para o verão e nos meses de agosto e setembro durante o inverno. ABSTRACT: This study analyses the space-time variability of high-frequency synoptic disturbances (2 to 8 days) that occur in middle and high latitudes of the Southern Hemisphere (SH). The analysis was done using the 500 hPa geopotential daily data produced by the National Centers for Environmental Prediction Departament of Energy (NCEP-DOE). These data have a resolution of 2.5° in both latitude and longitude, implicate the latitudes between 0° and 70°S and cover the November 1980 to September 1990 period. The analyses were performed using the Principal Oscillation Pattern (POP) method. The results show that for both seasons, winter (May-September) and summer (November-March), the special pattern of the amplitude is higher in the eastern hemisphere, mainly over the South Atlantic and Indic Oceans, usually centered around 45° and 55°S. However the highest values of the amplitude were found during the winter season. The spatial patterns of the real and imaginary components analyzed for winter show a zonal wavetrain with wavenumber 5, period of 6 days and e-folding time of 11 days. Also during the summer season, the modes found have wavenumber 4, period of 6 days and e-folding time of 7 days. The analysis of the amplitudes time series shows higher values during November and February period as well during the August and September months of the winter season.
AreaMET
Conteúdo da Pasta sourcenão têm arquivos
Conteúdo da Pasta agreement
agreement.html 02/12/2013 17:46 1.0 KiB 
Área de condições de acesso e uso
Grupo de Usuáriosmarcelo.pazos@inpe.br
valdirene
Grupo de Leitoresadministrator
marcelo.pazos@inpe.br
valdirene
Visibilidadeshown
Permissão de Leituraallow from all
Permissão de Atualizaçãonão transferida
Área de fontes relacionadas
VinculaçãoTrabalho Vinculado à Tese/Dissertação
Repositório Espelhoiconet.com.br/banon/2006/11.26.21.31
Unidades Imediatamente Superiores8JMKD3MGPCW/3EUPEJL
8JMKD3MGPCW/43SQKNE
Acervo Hospedeirosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/09.26.14.25.20
Área de notas
Campos Vaziosaccessionnumber archivingpolicy archivist callnumber copyholder copyright creatorhistory descriptionlevel dissemination doi edition editor format isbn issn label language lineage mark nextedition notes numberoffiles numberofvolumes orcid organization pages parameterlist parentrepositories previousedition previouslowerunit progress project publisher publisheraddress rightsholder secondarydate secondarykey secondarymark serieseditor session shorttitle size sponsor subject targetfile type url versiontype volume
Área de controle da descrição
e-Mail (login)marcelo.pazos@inpe.br
atualizar 
Área de identificação
Tipo de ReferênciaArtigo em Evento (Conference Proceedings)
Sitemtc-m21b.sid.inpe.br
Código do Detentorisadg {BR SPINPE} ibi 8JMKD3MGPCW/3DT298S
Identificador8JMKD3MGP5W34M/3FACKSP
Repositóriosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/11.28.15.35
Metadadossid.inpe.br/mtc-m21b/2013/11.28.15.35.06
Última Atualização dos Metadados2021:01.03.02.13.10 administrator
Chave de CitaçãoSperlingFernAlbr:2013:Se20Ex
TítuloEvento de precipitação extrema no RS: setembro de 2012/ Extreme precipitation event in RS: September 2012
Ano2013
Data de Acesso24 fev. 2021
Área de contextualização
Autor1 Sperling, Vinicius Banda
2 Fernandes, Valesca Rodriguez
3 Albrecht, Rachel Ifanger
Grupo1 CPT-CPT-INPE-MCTI-GOV-BR
2 CPT-CPT-INPE-MCTI-GOV-BR
3 DSA-CPT-INPE-MCTI-GOV-BR
Afiliação1 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
2 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
3 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
Endereço de e-Mail do Autor1 vinicius.sperling@cptec.inpe.br
2 valesca.fernandes@cptec.inpe.br
3 rachel.albrecht@cptec.inpe.br
Nome do EventoSimpósio Internacional de Climatologia, 5 (SIC).
Localização do EventoFlorianópolis, SC
Data15-19, set.
Título do LivroAnais
Tipo SecundárioPRE CI
Tipo TerciárioSessão Oral
Histórico2013-11-28 15:35:06 :: valdirene -> administrator ::
2021-01-03 02:13:10 :: administrator -> marcelo.pazos@inpe.br :: 2013
Área de conteúdo e estrutura
Estágio do Conteúdoconcluido
Transferível1
Tipo do ConteudoExternal Contribution
Palavras-ChavePrecipitation, Satellite GOES-12, Weather Radar.
ResumoRESUMO: Eventos severos de tempo meteorológico normalmente geram grandes impactos sócio-econômicos e desastres incalculáveis, como a perda de vidas humanas. Neste estudo de caso analisou-se um evento extremo de precipitação ocorrido sobre o estado do Rio Grande do Sul, durante os dias 18 e 19 de setembro de 2012, para comprovar a ocorrência de altos volumes de chuva, granizo, ventos fortes e raios sobre os municípios gaúchos. O evento foi analisado com base nos dados do satélite GOES-12, imagens do radar meteorológico de Santiago/RS, dados de reanálises do NCEP e dados de pluviômetros. Totais pluviométricos anômalos foram registrados, no dia 19 de setembro de 2012, pelas estações meteorológicas automáticas e convencionais do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET). Somente em Cruz Alta/RS e Passo Fundo/RS choveu 123,5 e 96,0 milímetros, respectivamente. No mesmo dia no norte do Estado, precisamente nos municípios de Soledade/RS, Cruz Alta/RS e Passo Fundo/RS, foram observados, pelas estações meteorológicas automáticas do INMET, valores de rajada do vento de 118,4, 92,9 e 81,4 km/h, respectivamente. Através da análise das imagens do satélite GOES e do radar de Santiago/RS observou-se uma intensificação na formação de supercélulas, comprovando-se pelas observações de refletividade e da baixa temperatura no topo das nuvens, em torno de -70°C. Nas imagens do radar (MAXCAPPI 400 km) de Santiago/RS notou-se uma atividade convectiva com intensidade forte a muito forte, com picos de refletividade de 60 a 65 dBZ em alguns locais isolados. Com base nestas imagens, o evento teve uma duração de no mínimo 3 horas de intensa atividade convectiva. A causa do tempo severo foi o aprofundamento de um sistema de baixa pressão atmosférica sobre a Argentina (ciclogênese) que deu origem a um ciclone extratropical associado a uma intensa frente fria que avançou sobre a atmosfera quente no Sul do Brasil, resultando em muitos estragos por ventos e queda de granizo. ABSTRACT: Severe weather events usually causes large socio-economic and immeasurable disasters, such as loss of human lives. In this case study we analyzed an event of extreme rainfall occurred on the state of Rio Grande do Sul, during 18 and 19 th September; 2012, to prove the occurrence of high volumes of rain, hail, strong winds and lightning on various Rio Grande do Sul municipalities. The event was analyzed based on GOES-12 satellite images, weather radar in Santiago/RS, NCEP reanalysis and rain gauge data. Anomalous rainfall accumulations were recorded on September 19th, 2012, by conventional and automatic weather stations from the National Institute of Meteorology (INMET). Only in Cruz Alta/RS and Passo Fundo/RS it rained 123.5 and 96.0 mm, respectively. On the same day in the northern part of the state, precisely in the municipalities of Soledade/RS, Cruz Alta/RS and Passo Fundo/RS, it was observed by automatic weather stations INMET, wind gust values of 118.4, 92.9 and 81.4 km/h , respectively. Through the analysis of images from GOES satellite and Santiago/RS weather radar, it was observed an intensification in the formation of supercells, confirmed by radar reflectivity and low temperatures at the top of the clouds around -70 °C. On radar images (MAXCAPPI 400 km) from Santiago/RS it was noticed a convective activity with strong to very strong intensity, with reflectivity peaks of 60-65 dBZ in some isolated locations. Based on these images, the event lasted at least three hours with intense convective activity. The cause for severe weather was the deepening of a low pressure system over Argentina (cyclogenesis) which originated an extratropical cyclone associated with a strong cold front that moved over a warm atmosphere in the south of Brazil, resulting in a lot of damage by winds and hail.
AreaMET
ArranjoINPE > Produção > CGCPT > Evento de precipitação...
Conteúdo da Pasta sourcenão têm arquivos
Conteúdo da Pasta agreement
agreement.html 28/11/2013 13:35 1.0 KiB 
Área de condições de acesso e uso
Grupo de Usuáriosvaldirene
Grupo de Leitoresadministrator
valdirene
Visibilidadeshown
Permissão de Leituradeny from all and allow from 150.163
Permissão de Atualizaçãonão transferida
Área de fontes relacionadas
Repositório Espelhoiconet.com.br/banon/2006/11.26.21.31
Unidades Imediatamente Superiores8JMKD3MGPCW/3EUPEJL
8JMKD3MGPCW/43SRC6S
Acervo Hospedeirosid.inpe.br/mtc-m21b/2013/09.26.14.25.20
Área de notas
Campos Vaziosaccessionnumber archivingpolicy archivist callnumber copyholder copyright creatorhistory descriptionlevel dissemination doi e-mailaddress edition editor format isbn issn label language lineage mark nextedition notes numberoffiles numberofvolumes orcid organization pages parameterlist parentrepositories previousedition previouslowerunit progress project publisher publisheraddress resumeid rightsholder secondarydate secondarykey secondarymark serieseditor session shorttitle size sponsor subject targetfile tertiarymark type url versiontype volume
Área de identificação
Tipo de ReferênciaArtigo em Evento (Conference Proceedings)
Sitemtc-m16d.sid.inpe.br
Código do Detentorisadg {BR SPINPE} ibi 8JMKD3MGPCW/3DT298S
Identificador8JMKD3MGP7W/3EBS6RB
Repositóriosid.inpe.br/mtc-m19/2013/06.24.19.18
Última Atualização2013:06.25.19.53.01 administrator
Metadadossid.inpe.br/mtc-m19/2013/06.24.19.18.14
Última Atualização dos Metadados2018:06.05.04.14.22 administrator
Rótuloself-archiving-INPE-MCTI-GOV-BR
Chave de CitaçãoWendischMPLAARDSFEMSS:2013:AeClPr
TítuloAerosol, Cloud, Precipitation, and Radiation Interactions and Dynamics of Convective Cloud Systems (ACRIDICON)
Ano2013
Data de Acesso24 fev. 2021
Número de Arquivos2
Tamanho2978 KiB
Área de contextualização
Autor 1 Wendisch, Manfred
 2 Machado, Luiz Augusto Toledo
 3 Pöschl, Ulrich
 4 Longo, Karla
 5 Andreae, Meinrat O.
 6 Artaxo, Daniel Paulo
 7 Rosenfeld, Daniel
 8 Dias, Maria Silva
 9 Schlager, Hans
10 Fisch, Gilberto
11 Ehrlich, André
12 Manzi, Antônio
13 Stevens, Bjorn
14 Souza, Rodrigo
Identificador de Curriculo 1
 2 8JMKD3MGP5W/3C9JHMS
Grupo 1
 2 CPT-CPT-INPE-MCTI-GOV-BR
 3
 4 DGE-CEA-INPE-MCTI-GOV-BR
Afiliação 1
 2 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
 3
 4 Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
Endereço de e-Mail do Autor 1
 2 luiz.machado@cptec.inpe.br
 3
 4 karla.longo@inpe.br
Endereço de e-Mailvaldirene.ribeiro@cptec.inpe.br
Nome do EventoCHUVA International Workshop, 1.
Localização do EventoSão Paulo, Brazil
DataMay 8-10, 2013
Título do LivroProceedings
Tipo SecundárioPRE CI
Histórico2013-06-24 19:18:14 :: valdirene.ribeiro@cptec.inpe.br -> administrator ::
2018-06-05 04:14:22 :: administrator -> marcelo.pazos@inpe.br :: 2013
Área de conteúdo e estrutura
É a matriz ou uma cópia?é a matriz
Estágio do Conteúdoconcluido
Transferível1
Tipo do ConteudoExternal Contribution
Tipo de Versãopublisher
Palavras-Chaveaerosol, cloud, precipitation, radiation interactions.
ResumoThe effects of aerosol particles and clouds on atmospheric dynamics, weather, climate, and public health are among the central topics in current environmental research. Aerosol particles and clouds influence the Earths radiative energy budget by scattering, absorption and emis-sion of solar and terrestrial radiation. Furthermore, they play key roles in the hydrological cycle and in the formation of precipitation. Moreover, aerosol, cloud and precipitation parti-cles affect the abundance of trace gases via heterogeneous chemical reactions and other mul-tiphase processes (ACPC 2009; Heintzenberg and Charlson 2009; Kolb et al. 2010; Boucher 2012; Stevens 2012).
AreaMET
Arranjo 1BDMCI > Fonds > Produção > DIDGE > Aerosol, Cloud, Precipitation,...
Arranjo 2BDMCI > Fonds > Produção > CGCPT > Aerosol, Cloud, Precipitation,...
Conteúdo da Pasta sourcenão têm arquivos
Conteúdo da Pasta agreement
agreement.html 24/06/2013 16:18 1.0 KiB 
Área de condições de acesso e uso
URL dos dadoshttp://urlib.net/rep/8JMKD3MGP7W/3EBS6RB
URL dos dados zipadoshttp://urlib.net/zip/8JMKD3MGP7W/3EBS6RB
Idiomaen
Arquivo AlvoACRIDICON_WhitePaper_2012-12-14.pdf
Grupo de Usuáriosadministrator
marcelo.pazos@inpe.br
valdirene.ribeiro@cptec.inpe.br
Grupo de Leitoresadministrator
marcelo.pazos@inpe.br
Visibilidadeshown
Permissão de Leituraallow from all
Permissão de Atualizaçãonão transferida
Área de fontes relacionadas
Repositório Espelhoiconet.com.br/banon/2006/11.26.21.31
Unidades Imediatamente Superiores8JMKD3MGPCW/3EU29DP
8JMKD3MGPCW/3EUPEJL
Acervo Hospedeirosid.inpe.br/mtc-m19@80/2009/08.21.17.02
Área de notas
Campos Vaziosaccessionnumber archivingpolicy archivist callnumber copyholder copyright creatorhistory descriptionlevel dissemination doi edition editor format isbn issn lineage mark nextedition notes numberofvolumes orcid organization pages parameterlist parentrepositories previousedition previouslowerunit progress project publisher publisheraddress rightsholder secondarydate secondarykey secondarymark serieseditor session shorttitle sponsor subject tertiarymark tertiarytype type url volume
Área de controle da descrição
e-Mail (login)marcelo.pazos@inpe.br
atualizar